Agência da Notícia

Portal Mato Grosso de noticias

Agência da Notícia, Terça-feira 17 de Julho de 2018

0 4
:
5 4
:
4 8

Últimas Noticias

Torpedos

Vale do Araguaia

ENTÃO TÁ CHEGADO MAS UMA ELEIÇÃO MAS QUE CHANCE DEMOS PARA O NOSSO ARAGUAIA? CANTIDADO Á...

RESPOSTA AO CIDADÃO

Caro cidadão isso é uma AMBULÂNCIA e não um táxi ou uber... o papel é socorrer vitimas...

PREFEITO DANIEL DO LAGO

Precisei de uma ambulancia para me levar do hospital para casa porque eu não conseguia andar...

Classificados

procuro emprego

Cidade: confresa

Anunciante: josieli Basilio

Valor: A combinar

CASA

Cidade: Confresa

Anunciante: ADILSON VITAL

Valor: A COMBINAR

CASA OU KITNET

Cidade: Confresa- MT

Anunciante: Mayara Secco

Valor: 750

Newsletter

Notícias / Política

12 Jan 2018 - 15:43

Taques nega atrasos e alega que repasses aos filantrópicos são feitos às prefeituras

Quatro hospitais anunciaram que vão paralisar UTIs a partir de segunda-feira

Agência da Notícia com Folha max

O governador Pedro Taques (PSDB) afirmou na manhã desta sexta-feira que o Estado não deve os hospitais filantrópicos. O anúncio foi feito após os hospitais Santa Helena, Hospital Geral e Santa Casa de Cuiabá e Rondonópolis anunciarem a paralisação dos atendimentos para novos pacientes nas Unidades de Tratamento Intensivo - UTI's, a partir da próxima segunda-feira (15).

De acordo com o governador, os repasses foram feitos pelo Estado para o município. “Nós não repassamos para a Santa Casa. O repasse para os filantrópicos é via município de Cuiabá. É fundo a fundo. Nós não estamos devendo os filantrópicos, porque passamos para o município de Cuiabá”, se defendeu.

Segundo a Federação dos Hospitais Filantrópicos de Mato Grosso (Fehosmt), as instituições não irão receber mais pacientes para as UTI's.  O Hospital Santa Casa de Misericórdia está sem receber pelos leitos de retaguarda desde março do ano passado, por isso irá paralisar todos os atendimentos que são realizados pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

A Santa Casa de Rondonópolis também deverá paralisar seus serviços gradativamente nos próximos dias devido a falta de repasses por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) e também por contrapartidas da Secretaria Estadual de Saúde (SES). 

Inserir comentário

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

Notícias Relacionadas

 
Sitevip Internet