Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Terça-feira 26 de Março de 2019

0 5
:
0 5
:
1 4

Últimas Noticias

Torpedos

BR 158

O Problema de Conclusão da BR 158 é "FIM DO PROPINODUTO", pois mudou o GATO mas não mudaram os RATOS

Br 158 Araguaia ?

fico me perguntando qual é a ideia destes políticos inites que ficam segurando o progresso de nossa...

Br 158 120 km já

venho aqui chamar a atenção de nossos representantes para que seja cobrado o asfaltamento com...

Classificados

Fazenda

Cidade: Santa Terezinha

Anunciante: Raimundo

Valor: 240.000,00

TERRENO URBANO

Cidade: ALTO ARAGUAIA

Anunciante: CLAYTON REGIS CARNIEL

Valor: 30.000,00

FAZENDA 100 ALQUEIRES PARA GADO

Cidade: TERRA NOVA DO NORTE MT

Anunciante: CLAYTON REGIS CARNIEL

Valor: 2.500.000,00

Notícias / Artigos e Opinão

18 Mai 2018 - 09:11

Como reduzir riscos em cirurgias plásticas

Benedito Figueiredo Junior cirurgião plástico na Angiodermoplastic

Reprodução

 (Crédito: Reprodução)

Publicidade

Publicidade

Todo mundo sabe que qualquer cirurgia oferece risco. E com a cirurgia plástica não é diferente. Vemos casos de mulheres que morreram em procedimentos, ou pós-procedimento que tinham o sonho de ter um corpo mais bonito e acabam perdendo a vida. Primeiro, não existe nenhuma garantia absoluta de que o resultado será exatamente o esperado, mas há atitudes que podem sim reduzir os riscos em cirurgias plásticas.

A mais importante é a escolha do cirurgião plástico que vai fazer sua cirurgia que faz parte da relação médico-paciente com acompanhamento pré e pós-operatório. Portanto, operar com médicos indicados por programas de crédito sem esse contato, aumentam e muito o risco de algo dar errado e coloca a sua vida em risco.

O profissional deve ser escolhido por indicação, em várias consultas em que a paciente sinta confiança e ainda possa esclarecer todas as suas dúvidas e se tem registro na Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, ou seja, para ser considerado especialista em cirurgia plástica, um profissional precisa passar pelo curso de medicina – seis anos –, pela residência em cirurgia geral – dois anos – e pela especialização em cirurgia plástica – dois ou três anos.

Depois de todo esse estudo, ainda tem que ser aprovado em um exame específico para ser aceito na SBCP. Depois de escolhido o médico, ver se ele pede todos os exames do risco cirúrgico para saber seu estado físico para diminuir as possibilidades de algo dar errado durante o procedimento ou depois.

Em geral, o paciente deve apresentar exames de sangue, de urina e uma avaliação cardiológica e em caso do paciente ser hipertenso ou ter diabetes, por exemplo –, isso demanda mais cuidados. Mas o médico só saberá se você realizar os exames e for absolutamente sincero com ele. Problemas de saúde antes da cirurgia – como gripe, febre ou diarréia têm que ser informados ao cirurgião para não ser um dos complicadores na hora da operação.

Definido o médico deve-se escolher uma unidade hospitalar que tenha infraestrutura adequada para dar suporte em caso de alguma intercorrência que possa colocar sua vida em risco para uma transferência para outro local. Outro cuidado é fazer cirurgias desassociadas, quanto menor a cirurgia menor o risco. Hoje não é aconselhável se fazer múltiplas cirurgias ao mesmo tempo com duração de 7 ou mais horas.

Uma abdominoplastia e um implante de silicone é indicado que seja feita uma de cada vez em momento diferentes. Por isso é importante conversar com seu cirurgião plástico que conhecendo os riscos te aconselhará sobre tempo de pausa entre as cirurgias e as que podem ser feitas em um só momento.

Lembre-se com todos esses cuidados ainda assim você está sujeito a um risco, porém se o médico conhecer seu histórico e se o hospital onde você será operado tem a estrutura adequada, as chances de alguma intercorrência diminuem consideravelmente.

Inserir comentário

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

Campanha publicitária
 
Sitevip Internet