Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Quinta-feira 20 de Setembro de 2018

0 3
:
4 8
:
5 7

Últimas Noticias

Torpedos

Resposta ao Sr Lásaro

Discordo totalmente do que escreveu Sr Lásaro. A Polícia Militar, Conselho Tutelar e TJMT são...

Abandono TJMT/ e CONSELHO TUTELAR, E OUTROS

Vejo não só adolescentes, mais também as crianças abandonadas em PAN e CONFRESA-MT, até mesmo do...

Tráfico de drogas

Em atenção aos comentário feito pelo "Majestoso", viemos por meio deste informar que o NPM Luciara...

Classificados

Sítio

Cidade: Novo São Joaquim

Anunciante: Fernando nunes parreira

Valor: 165.000

CrossFox

Cidade: Vila Rica

Anunciante: Ferreira

Valor: 30.000

Deposito - Centro - 100²

Cidade: Confresa

Anunciante: LEONARDO

Valor: A Combinar

Newsletter

Notícias / Geral

13 Jun 2018 - 09:21

Greve dos caminhoneiros custará R$ 15 bilhões para a economia

Agência Brasil

Reprodução

 (Crédito: Reprodução)
Os dez dias de greve dos caminhoneiros custarão R$ 15 bilhões para a economia, o equivalente a 0,2% do Produto Interno Bruto (PIB, soma das riquezas produzidas no país), informou hoje (12) o Ministério da Fazenda. De acordo com a pasta, o ministro Eduardo Guardia repassou a estimativa ontem (11) em reunião com investidores em São Paulo.

Por causa da paralisação, a previsão oficial de 2,5% de crescimento do PIB para este ano poderá ser revista para baixo. O número só será divulgado no fim de julho, e o ministro não informou mais detalhes.

Na última edição do boletim Focus, pesquisa com instituições financeiras divulgada todas as semanas pelo Banco Central, os analistas de mercado estimavam que a economia crescerá apenas 1,94% em 2018. Essa foi a sexta semana consecutiva de queda nas projeções. Há um mês, a projeção estava em 2,51%.

O ministro não informou o impacto que a greve dos caminhoneiros terá sobre a inflação, por causa da escassez de alimentos e da alta temporária do preço dos combustíveis provocadas pela paralisação. Segundo o boletim Focus, a previsão das instituições financeiras para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) passou de 3,65% para 3,82% em 2018. As projeções do Ministério da Fazenda para a inflação também só serão divulgadas no fim de julho.

Inserir comentário

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

 
Sitevip Internet