Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Sábado 15 de Dezembro de 2018

1 6
:
5 4
:
4 4

Últimas Noticias

Torpedos

Cidadão revoltado

Já passou da hora da prefeitura de Confresa se pronunciar quanto à ÁGUAS DE CONFRESA pelo...

lucas do Pan

Ola gente vamos ver se o novo governo do MT vai construir o nosso hospital aqui no pan. OU É SÓ...

ONDA DE FURTOS

Pessoal já está mais que na hora de pegar esses meliantes que andam roubando em nossa cidade, já...

Enquete

Na sua opinião, o novo presidente eleito Jair Bolsonaro deve manter o novo ou o antigo traçado da BR-158?

Campanha Publicitária

Classificados

CASA

Cidade: Confresa

Anunciante: ADILSON VITAL

Valor: A COMBINAR

casa - setor Santa Luzia

Cidade: Confresa

Anunciante: Ana Paula

Valor: a combinar

LOTE DE ESQUINA COM 2 CASAS

Cidade: Confresa MT

Anunciante: Delcio Pedro Kremer

Valor: 450,00

Notícias / Polícia

10 Out 2018 - 14:35

Em MT, bandidos presos revelam temor com eleição de Bolsonaro

FOLHAMAX

Publicidade

Os assaltantes Iego Norato Moreira de Paula e Welliton Brito da Silva foram presos em flagrante na manhã desta quarta-feira após roubarem uma residência em Rondonópolis. Em entrevista, eles revelaram que temem a eleição do deputado federal de Jair Bolsonaro (PSL) a presidência da República.

Segundo os bandidos, o objetivo deles era cometer o máximo de roubos possível até o 2º turno das eleições presidenciais. 

“Vale né, pô. Porque se o Bolsonaro ganhar quem vai se ferrar é ‘nóis’. Não tem emprego, não tem nada, o cara vai ‘f***’ com a nossa vida”, disse Iego, em entrevista à imprensa local. 

A disputa no 2º turno está entre Jair Bolsonaro e Fernando Haddad (PT). Os dois candidatos tem linhas ideológicas diferentes sobre o tratamento aos criminosos.

Bolsonaro é considerado mais “linha dura”. Entre as propostas dele está, inclusive, a flexibilização do porte de arma para que cidadãos de bem enfrentem os bandidos.

Além disso, ele defende penas mais duras para diversos tipos de crimes.

Já Haddad e o PT defendem a política do “desencarceramento”, que visa a substituição de penas por programas alternativos que estimulem, principalmente, a geração de empregos.

Notícias Relacionadas

Campanha publicitária
 
Sitevip Internet