Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Terça-feira 19 de Fevereiro de 2019

1 8
:
0 8
:
1 1

Últimas Noticias

Torpedos

Agenora na Educação

Eu vi a Agenora na Prefeitura ontem, lá na Educação. Mas a justiça não proibiu??? Pelo jeito ela...

FALTA DE IGUALDADE.!!!

Vejo esse Colégio Militar Racista e preconceituoso veja isso "I-50% (cinquenta por cento) para ...

confresa e nossa ou de politicos

ENTÃO COMO JÁ DISSE OUTRAS VEZES EU SOU FUNCIONÁRIO PÚBLICO DE CINFRESA DESDE O SEGUNDO MANDADO DO...

Campanha Publicitária

Classificados

Gran Siena actrotive

Cidade: Canabrava do Norte mt

Anunciante: Vinicius

Valor: 35.000

mão de oba

Cidade: Confresa MT

Anunciante: Antonio Carlos

Valor: A combinar

PRECISANDO DE DINHEIRO?

Cidade: Confresa

Anunciante: Empréstimo Consignado e Crédito Pessoal

Valor: Qualquer valor que desejar

Notícias / Agronegócio

29 Nov 2018 - 15:42

Porto de Santos segue com fluxo recorde

Destaque foram adubos com 3,2 milhões de toneladas

MidiaNews

Publicidade

Publicidade

O Porto de Santos registrou, de janeiro a outubro de 2018, mais de 110,6 milhões de toneladas de carga movimentadas, crescimento de 1,5% em relação ao mesmo período do ano passado, representando novo recorde no movimento.

No período, o destaque é a movimentação de contêineres (+8,8%), chegando à marca histórica de quase 3,5 milhões TEU (medida padrão equivalente a um contêiner de 20 pés), enquanto em 2017 foram 3,17 milhões, diz a Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp).


O Porto de Santos registrou, de janeiro a outubro de 2018, mais de 110,6 milhões de toneladas de carga movimentadas, crescimento de 1,5% em relação ao mesmo período do ano passado, representando novo recorde no movimento.

No período, o destaque é a movimentação de contêineres (+8,8%), chegando à marca histórica de quase 3,5 milhões TEU (medida padrão equivalente a um contêiner de 20 pés), enquanto em 2017 foram 3,17 milhões, diz a Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp).

Só em outubro foram registradas 10,25 milhões de toneladas, queda de 9,8% em relação ao mesmo mês do ano passado, quando foi registrado o recorde histórico para o mês (11,36 milhões).O total de embarques no período foi de 78,98 milhões de toneladas, diminuição de 0,5% sobre um ano antes. A maior movimentação no ano é do complexo soja, com 24,98 milhões de toneladas, alta de 20,8% ante 2017, um recorde para o produto e quase 1/4 de toda a movimentação do local.No fluxo de desembarques, houve crescimento de 6,7% em relação a 2017, também recorde.

O destaque foram adubos com 3,2 milhões de toneladas. Ponto baixo O resultado de outubro ficou 1,4 milhão tonelada abaixo da expectativa inicial da Codesp, devido aos desempenhos dos embarques de açúcar e milho. Em outubro, os embarques de açúcar a granel caíram 694.226 toneladas (-36,4%) sobre um ano antes, enquanto os embarques de milho a granel caíram 689.992 toneladas (-31,6%). Houve ainda queda de 44,6% nos desembarques de óleo diesel e gasóleo.Em compensação, a expansão de 366.645 toneladas nos embarques de soja a granel e de 194.613 t nos embarques de celulose (+85,4%) amorteceram uma queda maior no resultado mensal. A movimentação de cargas conteinerizadas também ajudou, ao subir 1,9% sendo que em TEU a alta foi de 3,8%, ao totalizar 365.351 TEU.

Notícias Relacionadas

Campanha publicitária
 
Sitevip Internet