Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Domingo 20 de Janeiro de 2019

0 9
:
2 9
:
0 2

Últimas Noticias

Torpedos

Cidadão revoltado

Já passou da hora da prefeitura de Confresa se pronunciar quanto à ÁGUAS DE CONFRESA pelo...

lucas do Pan

Ola gente vamos ver se o novo governo do MT vai construir o nosso hospital aqui no pan. OU É SÓ...

ONDA DE FURTOS

Pessoal já está mais que na hora de pegar esses meliantes que andam roubando em nossa cidade, já...

Classificados

Lote

Cidade: Confresa

Anunciante: Leandro

Valor: 18.000,000

saveiro g2

Cidade: confresa

Anunciante: Lucas

Valor: 6.000

Kitnet

Cidade: Confresa mt

Anunciante: Verônica Nascimento

Valor: A combinar

Notícias / Polícia

5 Jan 2019 - 10:55

Força Tática apreende explosivos em casa perto de penitenciária

Cerca de 46 bananas de dinamite e produtos químicos foram encontrados no local

MidiaNews

Publicidade

Publicidade

Policiais da Força Tática de Várzea Grande, com apoio do Batalhão de Operações Especiais (Bope) e de unidades da PM de Cuiabá, apreenderam, na tarde dessa sexta-feira (04), uma grande quantidade de explosivos em uma residência próxima da Penitenciária Central do Estado, o maior presídio de Mato Grosso.
 
Os produtos estavam no Residencial Marechal Rondon, no Bairro Pascoal Ramos, e foram localizados a partir de uma denúncia anônima. São 46 emulsões explosivas (chamadas bananas de dinamite); três sacos de anfo (explosivo produzido pela mistura de hidrocarbonetos líquidos, geralmente óleo diesel e nitrato de amônio); meio rolo de nitropenta, um tipo de fio (pavio) que reforçaria a explosão; e aproximadamente quatro metros de estopim hidráulico, além de 65 espoletas.

Na casa havia ainda 13 eletrodos, um produto explosivo usado no corte de material metálico, como equipamento de caixa eletrônico bancário. Ninguém foi preso no local, porém o casal A.S.A.R., 28, e D.O.R., 25, que seria morador da residência, foi identificado pela documentação encontrada no ambiente e agora está sendo procurado.
 
Os moradores fugiram às pressas pouco antes da chegada dos policiais, deixando documentação e outros pertences, entre os quais roupas de crianças, fraldas descartáveis e outros objetos.
 
Todo material foi entregue no plantão da Central de Flagrantes do Verdão e a Polícia Civil deve investigar o caso.

Notícias Relacionadas

Campanha publicitária
 
Sitevip Internet