Agência da Notícia

Há 14 anos no MT

Agência da Notícia, Terça-feira 20 de Agosto de 2019

Publicidade
0 3
:
1 7
:
0 7

Notícias / Esporte

4 Fev 2019 - 15:53

Bola aérea vira salvação e tormento ao Corinthians em 2019: 'É trabalho'

Quatro dos cinco gols marcados pelo Corinthians nesta temporada saíram pelo alto. Por outro lado, dos seis gols sofridos, quatro foram pelo alto

R7 Esportes

Publicidade

O Corinthians em 2019 vê a bola aérea ser a salvação e o tormento em alguns jogos. Dos cinco gols marcados na temporada, três foram de cabeça. Há ainda o de Danilo Avelar que deu a vitória no clássico contra o Palmeiras, marcado após rebote de Weverton na cabeçada de Gustagol. Ou seja, quatro dos cinco gols saíram pelo alto.

Por outro lado, o Timão também tem sofrido do próprio veneno. Dos seis gols sofridos em 2019, quatro foram pelo alto, algo que tem gerado preocupação neste início de temporada.

VEJA TAMBÉM: Herói do Corinthians contra Palmeiras, Avelar rebate críticas


O técnico Fábio Carille costuma trabalhar muito as jogadas aéreas nos treinos no CT Joaquim Grava, principalmente em véspera de partidas. Questionado sobre o que poderia ser feito para minimizar o problema, ele disse:

- É trabalho, temos que continuar trabalhando.

Carille, porém, lembrou que o Corinthians vive uma maratona de jogos em fevereiro. O próximo confronto será na quinta-feira, em Londrina, contra o Ferroviário (CE), pela primeira fase da Copa do Brasil.

NÃO RENDERAM: Relembre craques brasileiros que fracassaram no futebol europeu

A preparação para a partida começa nesta segunda, em jogo-treino diante do Desportivo Brasil, a partir das 10h.

Relembre os gols marcados e sofridos pelo alto:

No empate por 1 a 1 no amistoso contra o Santos, o Corinthians abriu o placar com Gustagol, que aproveitou cruzamento de André Luis. O empate veio com o gol contra de Pedro Henrique, também de cabeça.

Na estreia do Paulistão, o Corinthians saiu atrás do São Caetano com gol em cobrança de pênalti de Rafael Marques. O Timão empatou com Henrique, de cabeça.

Contra o Guarani, o Corinthians novamente saiu na frente em gol marcado por Gustagol de cabeça. A virada do Bugre começou com Diego Cardoso, também de cabeça, e terminou com gol de Rondinelly de fora da área.

Já o Red Bull Brasil marcou os dois gols da partida pelo alto. Ytalo abriu o placar e Bruno Tubarão fechou o placar, ambos de cabeça.

No clássico contra o Palmeiras, não houve gol de cabeça. No entanto, Danilo Avelar aproveitou o rebote de Weverton, que fez linda defesa após cabeçada de Gustagol.

Inserir comentário

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

 
Sitevip Internet