Agência da Notícia

Há 14 anos no MT

Agência da Notícia, Domingo 26 de Maio de 2019

0 5
:
0 9
:
0 7

Últimas Noticias

Torpedos

Alternativa

Parabéns ao sindicato rural e prefeitura municipal de vila rica MT 33 anos de aniversario

Camilão iluminado!

Parabenizo a administração municipal que atendeu as diversas solicitações dos munícipes e iluminou...

Camilão às escuras

A situação da praça Camilão é triste. Um dos pouquíssimos espaços públicos para lazer e talvez o...

Enquete

Na sua opinião a reforma da previdência 2019 deve ser aprovada?

Classificados

SANDERO STEPWAY 12/12

Cidade: CONFRESA

Anunciante: RAFAEL GABOARDI BECKER

Valor: A COMBINAR

casa para vender

Cidade: Confresa

Anunciante: ADILSON VITAL

Valor: A combinar

Ford Focus 2007

Cidade: Confresa

Anunciante: Wilsrley

Valor: 9.000,00

Notícias / Geral

15 Mar 2019 - 08:31 | Atualizado em 15 Mar 2019 - 08:35

Preço do quilo do feijão se aproxima de R$ 10,00 em alguns supermercados de Confresa, alta assusta consumidores

O preço aumentou mais de 150% em seis meses na região.

Redação

Reprodução

O preço aumentou mais de 150% em seis meses na região. (Crédito: Reprodução)

O preço aumentou mais de 150% em seis meses na região.

Publicidade

Publicidade

O feijão anda salgado em Confresa, mas nada tem a haver com o tempero, é o preço que anda desagradando os consumidores da maior cidade da região. Até agosto do ano passado o preço da variedade mais cara do feijão em Confresa custava em média R$ 3.80, hoje esta mesma variedade custa R$ 9,29 o quilo.

O preço aumentou mais de 150% em seis meses na região. A equipe do Agência da Notícia pesquisou os preços nos quatro maiores supermercado da cidade, veja os valores encontrados:

Mercado A: R$ 7,99 a R$ 8,49
Mercado B: R$ 7,99 a R$ 8,99
Mercado C: R$ 7,39 a R$ 9,29
Mercado D: R$ 6,99 a R$ 8,99

O preço do quilo do feijão disparou, segundo o Levantamento Sistemático da Produção Agrícola de janeiro, devido a queda de 1,5% na produtividade das lavouras do Brasil. Mesmo assim, segundo especialistas do setor, a quantidade produzida é suficiente para atender a demanda interna do país.

Inserir comentário

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

Notícias Relacionadas

 
Sitevip Internet