Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Terça-feira 21 de Maio de 2019

0 3
:
3 1
:
5 5

Últimas Noticias

Torpedos

Alternativa

Parabéns ao sindicato rural e prefeitura municipal de vila rica MT 33 anos de aniversario

Camilão iluminado!

Parabenizo a administração municipal que atendeu as diversas solicitações dos munícipes e iluminou...

Camilão às escuras

A situação da praça Camilão é triste. Um dos pouquíssimos espaços públicos para lazer e talvez o...

Campanha Publicitária

Classificados

SANDERO STEPWAY 12/12

Cidade: CONFRESA

Anunciante: RAFAEL GABOARDI BECKER

Valor: A COMBINAR

casa para vender

Cidade: Confresa

Anunciante: ADILSON VITAL

Valor: A combinar

Ford Focus 2007

Cidade: Confresa

Anunciante: Wilsrley

Valor: 9.000,00

Notícias / Agronegócio

6 Mai 2019 - 08:48

Em caso raríssimo, vaca pare bezerras trigêmeas, todas com marca em forma de coração na cabeça

Família se surpreendeu com o nascimento dos animais em gestação natural.

Vitor Santana, G1 GO

Publicidade

Publicidade

A vaca Neblina, da raça Girolando pariu bezerras trigêmeas, todas com uma marca de nascença na cabeça em forma de coração, igual à que ela também tem. O nascimento de trigêmeos em gado por fecundação normal é considerado raríssimo, com a chance de 1 caso em 100 mil. O caso aconteceu em uma fazenda de Goianésia, na região central de Goiás.

Quase todos os animais dessa raça têm uma mancha na testa. No caso da Neblina, o desenho é de um coração. As três bezerras, vinda de uma gestação natural, nasceram com a mesma marca e na mesma posição. “É uma característica que passou de mãe para filha”, disse a estudante Ana Clara Alves, de 12 anos, que sonha em ser veterinária.

O caso surpreendeu a todos da família. “Eu tenho 60 anos e ter gêmeos assim eu nunca vi”, disse o produtor rural Osvaldo Barbosa.

A Neblina quase chegou a ser descartada da produção de leite devido ao baixo rendimento. Porém, agora, ela está produzindo cerca de 35 kg de leite por dia.

“É raríssimo, principalmente trigêmeos. E outra raridade, ainda: os três sobreviverem. Normalmente um ou dois sobrevivem, o terceiro morre. E outra coisa foi que a natureza fez com que a fêmea bovina produzisse só um [filhote]. Quando pare, até a fêmea tem algum problema pós-parto e esse animal não teve nada disso”, disse o veterinário Pedro Antônio Rodrigues.

Inserir comentário

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

Notícias Relacionadas

 
Sitevip Internet