Agência da Notícia

14 anos no MT

Agência da Notícia, Quarta-feira 16 de Outubro de 2019

0 9
:
2 1
:
3 7

Últimas Noticias

Enquete

Você é a favor ou contra Lula ir para a prisão domiciliar?

Campanha Publicitária

Internauta AN

Notícias / Geral

25 Jul 2019 - 07:55

DSEI é alvo de operação para apurar fraudes em licitações e desvio de recursos em Canarana

PF cumpriu três mandados de busca e apreensão. MPF também solicitou o afastamento de um funcionário.

Redação

Reprodução Ilustrativa

 (Crédito: Reprodução Ilustrativa)

Publicidade

O Distrito Sanitário Especial Indígena (DSEI) de Canarana é alvo de uma operação que visa apurar fraudes em licitações e desvio de recursos. Também são cumpridos três mandados de busca e apreensão também foram cumpridos.

A ação é realizada pela Polícia Federal (PF) em apoio ao Ministério Público Federal (MPF) de Barra do Garças, a 516 km da capital.

Além das fraudes em licitações, há suspeita de falsificação de documento, dentro do DSEI. O MPF também solicitou o afastamento de um funcionário.

No início de junho, uma operação semelhante apurou o desvio de R$ 2,5 milhões da saúde e alimentação de indígenas, no distrito Kaiapó.

Na ocasião, sete mandados de busca e apreensão em endereços de pessoas físicas e jurídicas nas cidades de Colíder, a 648 km de Cuiabá, e Peixoto de Azevedo, a 692 km da capital.

As investigações que desencadearam a operação no DSEI Kaiapó identificaram fraude na licitação para aquisição de refeições para os indígenas, pagamentos sem contratos, superfaturamento nas quantidades e adulteração nos controles das refeições servidas.

Também foram constatadas condições precárias de armazenamento dos alimentos, cozinhas inadequadas e falta de refeitório para atender os pacientes acomodados nas CASAIs dos municípios de Colíder e de Peixoto de Azevedo.

Inserir comentário

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

Notícias Relacionadas

 
Sitevip Internet