Agência da Notícia

Há 14 anos no MT

Agência da Notícia, Domingo 22 de Setembro de 2019

0 0
:
5 1
:
5 8

Últimas Noticias

Internauta AN

Notícias / Geral

14 Ago 2019 - 08:30

Terras Indígenas sofrem com invasão de incêndio vindo de áreas vizinhas; veja o vídeo

Redação

Agência da Notícia

Na última semana, a aldeia Urubu Branco à 60km de Confresa foi invadida por fogo (Crédito: Agência da Notícia)

Na última semana, a aldeia Urubu Branco à 60km de Confresa foi invadida por fogo

Publicidade

Na última semana, a aldeia Urubu Branco à 60km de Confresa foi invadida por fogo tendo boa parte de seu território tomado pelas chamas.

Não se trata da primeira vez em que episódios assim acontecem nas terras indígenas. Visto que existem fazendas e terras aos redores que possibilitam a chegada do fogo até a reserva.

Em um vídeo divulgado na última semana na rede de comunicação WhatsApp, os indígenas mostram a grande quantidade de chamas em alta intensidade e perigo que as mesmas apresentavam. Durante o episódio, os moradores enviaram mensagens que pediam por ajuda e socorro.

Em conversa com o Agência da Notícia, o cacique Elber Tapi’tawã, relatou que essa não é a primeira vez em que as terras indígenas ficam comprometidas pelo fogo. “Já pedimos o apoio de todas as fazendas que fazem limite com o nosso território, mas não obtivemos sucesso” afirmou ele.

O cacique ainda relatou que foi feito um contato com as instituições governamentais para que providências sejam tomadas, no entanto não houve resposta.

A equipe do Agência da Notícia procurou o Comando do Núcleo Bombeiro Militar de Confresa, para averiguar as informações repassadas. Em resposta, foi afirmado que não houve nenhuma solicitação de socorro nas proximidades da aldeia.

Em conversa, o 2º Sargento Macleiton Oliveira Soares contou que o Núcleo Bombeiro Militar de Confresa no momento, não conta com os trabalhos dos agentes comunitários de defesa civil. Dessa forma, o efetivo do NBM é restrito à 12 bombeiros que trabalham em diferentes turnos, priorizando a área urbana.

 Diante da maior demanda, a priorização do trabalho do corpo de Bombeiros é o perímetro urbano, no entanto, o sargento destaca que qualquer emergência similar nas áreas rurais, é possível ligar nos números (66) 3401-1664 para acionar o Batalhão de Emergências Ambientais  (BEA).


Vídeo Relacionado

Inserir comentário

1 comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

  • por Jean, em 15 Ago 2019 às 18:19

    Parece jornalismo da Globo. Distorcendo os fatos.

Notícias Relacionadas

 
Sitevip Internet