Agência da Notícia

Informação é Aqui!

Agência da Notícia, Quinta-feira 20 de Fevereiro de 2020

1 1
:
1 9
:
0 2

Últimas Noticias

Campanha Publicitária
publicidade

Notícias / Agronegócio

15 Jan 2020 - 09:52

Empaer comercializa alevinos de tambacu e tambatinga no final de janeiro

Empaer

Reprodução

 (Crédito: Reprodução)

Publicidade

No dia 31 de janeiro (sexta-feira) começa a comercialização de alevinos de tambacu e tambatinga na Estação de Piscicultura da Empresa Mato-grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural (Empaer), localizada no município de Nossa Senhora do Livramento (42 km ao Sul de Cuiabá). O chefe da Estação, Francisco de Souza Filho, informa que a previsão é de comercializar alevinos para recria e engorda em cativeiro uma vez por semana, sempre nas sextas-feiras.

Na primeira venda do ano serão comercializados alevinos medindo de três a cinco centímetros por R$ 250 o milheiro, de cinco a oito por R$ 300 e de oito a dez centímetros por R$ 350. Francisco destaca que durante a entrega dos alevinos são repassadas orientações aos piscicultores desde os cuidados com a soltura dos alevinos nos tanques ou represas até o abate. Filho informa que é importante o momento da soltura do peixe na água, verificando a temperatura para aclimatização dos alevinos, ajustando as mudanças com cuidado.

Com um plantel de 400 matrizes de qualidade e produzidas na Estação, a previsão é de produzir mais de 500 mil alevinos no período de janeiro a maio deste ano. Francisco explica que os alevinos são transportados em embalagens plásticas com oxigênio e que, para evitar um choque térmico, é necessário colocar as embalagens umas três vezes na água, para soltando os alevinos apenas na quarta vez evitando assim a perda e morte. As espécies podem ser transportadas e permanecer nas embalagens por até 5 horas.

De acordo com Filho, foram realizadas oito desovas dos peixes e reprodução do tambacu (cruzamento do tambaqui com pacu), e tambatinga (cruzamento do tambaqui com a pirapitinga). Ele explica que em menos de 45 dias, após a reprodução, podem ser retirados alevinos medindo de três a cinco centímetros, considerados prontos para comercialização. A Estação tem capacidade para produzir 1 milhão de alevinos e possui 39 tanques de reprodução, sendo 12 de pesquisa e 27 para recria.


Em 2019, a Empaer vendeu 407 mil alevinos para 274 produtores rurais dos municípios de Cuiabá, Santo Antônio de Leverger, Nossa Senhora do Livramento, Poconé, Várzea Grande, Chapada dos Guimarães, Rosário Oeste, Diamantino, Barra do Bugres, Jangada, Cáceres e Nova Mutum. Para realizar a compra acima de cinco mil alevinos é necessário fazer reserva e encomendar pelo telefone: (65) 99973 5421. O transporte é por conta do produtor.

Viveiro para criação de peixe

O engenheiro de pesca da Empaer, Enock Alves dos Santos, fala que Mato Grosso tem uma produção de 54 mil toneladas de peixe por ano, cultivados em tanques. Ele destaca que para o produtor ter rentabilidade e sucesso no cultivo e na produção de peixe são necessários alguns fatores para implantação da piscicultura, como a qualidade da água, solos com teor de argila acima de 25% e topografia com a inclinação de 0,5% de desnível dos tanques, permitindo um abastecimento e escoamento por gravidade.

Explica também sobre a construção de viveiros, que devem ter uma profundidade de 1.50 metros na parte rasa e 1.80 metros na parte mais funda, podendo chegar a até 2 metros. “Não existe forma ou dimensão ideal para viveiros de cultivo de peixe, a forma depende das condições do terreno, dimensão e o poder aquisitivo do produtor”, enfatiza.

Na compra dos alevinos, os produtores recebem informações sobre o manejo, alimentação e nutrição de peixes, qualidade e oxigênio da água, temperatura, densidade por metro quadrado, controle no cultivo de alevinos e outras.

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

Notícias Relacionadas

 
Sitevip Internet