Imprimir

Imprimir Notícia

10 Abr 2019 - 08:51

Ação conjunta prende maiores e apreende menores por roubo e cárcere privado em Água Boa

Seis pessoas, entre elas quatro adolescentes, todas com passagem pela polícia e envolvidas em um crime de roubo e cárcere privado, no município de Água Boa, foram autuadas em flagrante em ação integrada da Polícia Judiciária Civil e Polícia Militar, na segunda-feira (08.04).

O trabalho em conjunto resultou na apreensão de seis armas de fogo, droga e recuperação dos objetos roubados das vítimas.

Dois suspeitos foram autuados em flagrante por roubo majorado pelo concurso de pessoas, restrição de liberdade das vítimas, emprego de arma de fogo, associação criminosa majorada pela participação de adolescentes, tráfico de drogas, associação para o tráfico e corrupção de menores.

Os quatro adolescentes, três rapazes e uma moça, responderão ato infracional análogo a roubo majorado pelo concurso de pessoas, restrição de liberdade das vítimas, emprego de arma de fogo, associação criminosa, tráfico de drogas e associação para o tráfico.

O crime aconteceu no início da manhã de segunda-feira (08.04), em uma propriedade rural no bairro Guarujá, zona rural do município de Água Boa. Na ocasião, um casal foi rendido e amarrado por oito criminosos armados, que agiram com agressividade e violência, desferindo tapas e golpe de coronhada na cabeça de uma das vítimas.

Do local foram roubados um veículo Siena, duas armas de fogo (um revólver calibre 22 e uma espingarda calibre 28), joias, entre outros objetos e produtos da residência. O automóvel levado foi posteriormente localizado pelos policiais.

Durante diligências ininterruptas os envolvidos foram identificados e detidos. Em poder do grupo foram apreendidas seis armas de fogo, drogas e material para a embalagem e venda de entorpecentes.

Os seis acusados foram conduzidos à Delegacia de Água Boa, interrogados, e autuados em flagrante e ato infracional, respectivamente. As investigações continuam para identificar a participação de mais indivíduos no roubo, bem como apurar outras ações criminosas cometidas pela quadrilha na região e cidades vizinhas.

Imprimir