Mato Grosso

Quinta-feira, 18 de julho de 2024
informe o texto

Notícias Judiciário

Justiça:

Padre que relacionou tragédia no RS a "bruxaria e satanismo" vira alvo do MPF

Agência da Notícia com Terra

24/05/2024 - 07:38

Padre que relacionou tragédia no RS a

Foto: Divulgação

O Ministério Público Federal do Mato Grosso do Sul abriu uma ‘notícia de fato’ para apurar a declaração do padre que relacionou a tragédia climática do Rio Grande do Sul à “falta de fé, bruxaria e satanismo”. A denúncia foi feita pelo deputado federal Leonel Guterres Radde (PT-RS), que apontou intolerância religiosa na fala do religioso. O MPF vai investigá-lo por suspeita de “praticar, induzir ou incitar a discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional”.

A fala foi do padre Paulo Santos, da paróquia São Vicente de Paulo, e ocorreu durante uma “missa solidária”, que prometia oração pelo Rio Grande do Sul, realizada no dia 8, segundo a Folha de S.Paulo. O religioso, que é gaúcho, fez um “alerta aos fiéis”. “O Rio Grande do Sul há muito tempo abraçou a bruxaria e o satanismo. Há muito tempo, o meu povo tem se afastado de Deus. Deus não precisa mandar sofrimento para nossa vida porque ele não faz isso, mas nós mesmos às vezes buscamos na fragilidade humana coisas ruins para nós”, afirmou.
 
Sitevip Internet
Fale conosco via WhatsApp