Mato Grosso

Quinta-feira, 18 de julho de 2024
informe o texto

Notícias Política

unânime:

Deputados de MT votam sim pela "taxação" das blusinhas

Agência da Notícia com Repórter MT

12/06/2024 - 15:42

Deputados de MT votam sim pela

Foto: Reprodução

Deputados da bancada federal de Mato Grosso foram unânimes na votação da "taxação das blusinhas" proposta pelo governo Lula (PT). Todos os sete parlamentares que participaram da votação disseram sim para a cobrança de 20% de impostos sobre compras internacionais realizadas por pessoas físicas no valor de até 50 dólares - cerca de 250 reais pela cotação atual.

Os deputados do Partido Liberal Abilio Brunini, Coronel Fernanda e José Medeiros; os emedebistas Juliana Kolankiewicz (suplente de Juarez Costa) e Emanuelzinho; e os parlamentares do União Brasil, Gisela Simona e Coronel Assis, votaram sim à taxação. Nelson Barbudo (PL) não participou da votação.

Agora, o texto segue para sanção do presidente de esquerda. Ao todo foram 380 votos favoráveis e apenas 26 contrários.

O texto-base do projeto de lei que institui o Programa Mobilidade Verde e Inovação (Mover) tratava apenas de incentivos financeiros no valor de R$ 19,3 bilhões em cinco anos e redução de Impostos sobre Produtos Industrializados (IPI) para as montadoras da indústria automobilística.

Contudo, os deputados incluíram a taxa das blusinhas mesmo não sendo parte do tema principal. A estratégia é conhecida no Congresso como "jabuti".

Com a aprovação, a indústria conquista o incentivo financeiro e o consumidor pessoa física ganha mais impostos ao realizar compras. A ideia do governo é proteger o comércio brasileiro contra as investidas das grandes empresas asiáticas como Shein e Shoppe. Mesmo impopular, a proposta atende aos interesses do setor varejista nacional.

Além dos 20% para compras de até 50 dólares, há uma alíquota de 60% para compras acima desse valor e até 3 mil dólares.
 
Sitevip Internet
Fale conosco via WhatsApp