Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Sexta-feira 22 de Janeiro de 2021

2 1
:
4 8
:
3 7

Últimas Noticias

Notícias / Política

13 Jan 2021 - 09:30

EP diz não ter pressa para definir secretariado, mas descarta derrotados

Prefeito explica que neste momento não chamará vereadores que não conquistaram reeleição

ALLAN MESQUITA

Reprodução:

 (Crédito: Reprodução:)
O prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) demonstrou que não está com “pressa” para fechar seu staff de secretários para seu segundo mandato no comando do Palácio Alencastro. De acordo com o chefe do Executivo, alguns nomes de seu grupo político e aliados ainda estão sendo avaliados para compor o primeiro escalão do governo. 

“Eu vou mexer em todas as peças, as vezes daqui alguns dias, semanas ou daqui algum mês. O meu compromisso não é agradar um grupo político, mas sim a população cuiabana. Eu ainda estou observando alguns nomes. É natural que quem ajuda a ganhar ajuda a governar. Mas, independentemente disso, estou observando alguns perfis técnicos”, disse durante entrevista à Rádio Nativa (90.1) na tarde de segunda-feira (11). 

Nos primeiros dias do ano, o emedebista anunciou o nome de oito secretários para a nova fase da administração. Boa parte do staff foi mantido.

Contudo, os demais membros da equipe, segundo o gestor, seriam definidos até o dia 8 de janeiro, o que não aconteceu. Na ocasião, Emanuel remanejou seu vice-prefeito José Roberto Stopa (PV), que havia sido confirmado na Educação para a Secretaria de Obras.

O coordenador de campanha de emedebista, Vanderlúcio Rodrigues, foi direcionado para o comando da Empresa Cuiabana de Limpeza Urbana. Nomes como os de Antônio Roberto Possas de Carvalho, Zito Adrian e Luciana Zamproni foram mantidos no comando da Fazenda, Planejamento e da Secretaria da Mulher, respectivamente. 

No entanto, ainda faltam ser anunciados titulares para 10 pastas. São elas: Assistência Social e Direitos Humanos, Comunicação, Cultura, Gestão, Habitação e Regularização Fundiária, Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano, Mobilidade Urbana, Ordem Pública, Procon Municipal, Procuradoria, Saúde e Turismo.

Diante das especulações, o comandante do Alencastro declarou que não havia necessidade de definir toda equipe até o fim do ano do ano passado.“Eu fui reeleito prefeito de Cuiabá. Então, não tinha a necessidade de anunciar todos secretários até o dia 31 de dezembro até porque terminamos o mandato com 85% de aprovação, conforme divulgado pelo Ibope. Pelo compromisso que temos com o povo eu tenho o dever de concorrer comigo e preciso consolidar algumas mudanças”, complementou.  

VEREADORES DERROTADOS

No fim, Emanuel ainda não descartou trazer para gestão, os vereadores derrotados que faziam parte de sua base na Câmara de Cuiabá. Emanuel anunciou que escalaria o ex-vereador e secretário de governo Luís Cláudio Castro Sodré (PP) para o comando temporário da Secretaria Municipal de Cultura.

Ele ficará no cargo até Emanuel escolher o nome do novo secretário. “Em relação aos vereadores com mandato, no início, eu não acho recomendável deixar o compromisso com a população para assumir secretaria. Eu não tenho nada contra, mas é melhor deixar o carro andar primeiro. Em relação aos ex-vereadores, no momento eu não tenho essa expectativa, mas lá na frente pode ter se for para ajudar a gestão. Isso não tem nenhum problema”, conclui. 

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

 
Sitevip Internet