Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Quarta-feira 24 de Fevereiro de 2021

1 4
:
3 9
:
3 5

Últimas Noticias

Notícias / Geral

16 Fev 2021 - 08:47

PF indicia 3 por espalhar fake news contra ex-candidato a prefeito de Barra do Garças

Eles divulgaram conteúdo difamatório contra Domingos Sávio de Souza durante a campanha eleitoral

Mídia News

Um sargento da Polícia Militar e um casal foram indiciados pela Polícia Federal por espalhar notícias falsas sobre o então candidato a prefeito de Barra do Garças, Domingos Sávio de Souza (PRTB), na campanha eleitoral do ano passado.
 
Conforme investigação conduzida pelo delegado Murilo de Oliveira Freitas, o sargento W.S.H.O. e o casal V.H.M.S. e D.W.S. usaram contas falsas no Whatsapp para compartilhar as fake news.
 
Entre os conteúdos divulgados estava um vídeo pornográfico, que, segundo as fake news, teria sido feito por Domingos e a esposa dele. 
 
A ação começou em julho do ano passado. As notícias falsas e outros conteúdos produzidos para atingir a imagem pública do candidato foram compartilhados em quatro grupos do Whatsapp, onde estavam adicionados moradores da cidade. 
 
Domingos Sávio ficou em quarto lugar na eleição, com 6,22% dos votos.
 
Durante a investigação também foi constatado que V.H.M.S, que era assessor da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Rural, usou um dos computadores do órgão para espalhar o conteúdo falso. Assim como o policial, que também atuava no gabinete da Prefeitura de Barra do Garças.
 
A origem dos compartilhamentos foi constatada após interceptação das linhas telefônicas e das redes de internet onde os celulares foram conectados. 
 
Para o delegado, o esquema criou um “gabinete de desinformação”. 
 
A Polícia Federal cumpriu mandados de busca e apreensão tanto na casa do sargento quanto na do casal. Foram apreendidos telefones, computadores e outros aparelhos.
 
Freitas ainda ressaltou o "potencial das redes sociais em perpetuar inverdades". 
 
"Aspecto este que deve ser combatido com a devida aplicação de sanções/punição dos responsáveis por sua origem, apesar de se esconderem no anonimato que o universo cibernético possibilita, eis que as 'fake news' atualmente formaram um cenário preocupante, principalmente nas questões eleitorais", escreveu o delegado. "Assim, não se pode ignorar a dimensão do problema, tampouco deixar que ele domine e manipule tão facilmente os usuários da internet". 
 

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

Notícias Relacionadas

 
Sitevip Internet