Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Sexta-feira 23 de Abril de 2021

1 1
:
4 5
:
5 0

Últimas Noticias

Notícias / Agronegócio

26 Fev 2021 - 11:00

Café abre com desvalorização em Nova York e em Londres, devolvendo parte dos ganhos dos últimos dias

Notícias Agrícolas:

Reprodução

 (Crédito: Reprodução)
O mercado futuro do café arábica abriu o pregão desta semana com desvalorização para os principais contratos na Bolsa de Nova York (ICE Future US). Na Bolsa de Londres, o cenário é o mesmo para o café conilon e os contratos também abriram o dia com baixas. 

Por volta das 08h40 (horário de Brasília), maio/21 registrava queda de 235 pontos, valendo 137,70 cents/lbp, julho/21 tinha queda de 245 pontos, negociado por 139,40 cents/lbp, setembro/21 tinha baixa de 245 pontos, valendo 141,05 cents/lbp e dezembro/21 era negociado com baixa de 240 pontos, valendo 142,50 cents/lbp. 

Em Londres, o conilon registrava queda de US$ 11 por tonelada no contrato maio/21, negociado por US$ 1465, julho/21 tinha baixa de US$ 11 por tonelada, valendo US$ 1484, setembro/21 registrava queda de US$ 10 por tonelada, valendo US$ 1500 e novembro/21 registrava baixa de US$ 12 por tonelada, valendo US$ 1512.

Os contratos voltam a cair depois de uma semana de intensa valorização para o café. A movimentação já era esperada por analistas, levando em consideração que os preços subiram expressivamente em uma janela muito curta de tempo. Desde a semana passada o café opera com apoio de uma oferta mais restrita do Brasil, em um momento em que o setor tem certo otimismo em relação à demanda nos Estados Unidos e na Inglaterra, com o avanço da vacinação contra a Covid-19. Por outro lado, mesmo com preços acima dos 130 centavos de dólar por libra-peso, o produtor segue cauteloso esperando a safra desenvolver para saber de fato o tamanho da quebra para o arábica. Números da Conab apontam para uma redução entre 32% e 39% na na safra brasileira, considerando o ano de ciclo baixo e também os impactos climáticos. 

Mercado Interno - Última sessão

O tipo 6 bebida dura bica corrida teve alta de 3,09% em Poços de Caldas/MG, valendo R$ 735,00, Guaxupé/MG teve alta de 2,66%, valendo R$ 772,00, Patrocínio/MG registrou valorização de 1,41%, negociado por R$ 720,00, Campos Gerais/MG teve valorização de 2,94%, valendo R$ 770,00 e Franca/SP encerrou com valorização de 2,63%¨, valendo R$ 780,00.

O tipo cereja descascado teve alta de 2,52% em Guaxupé/MG, valendo R$ 815,00, Poços de Caldas/MG registrou valorização de 2,85%, negociado por R$ 795,00, Patrocínio/MG registrou alta de 1,32%, valendo R$ 770,00, Varginha/MG registrou valorização de 1,25%, valendo R$ 810,00 e Campos Gerais/MG registrou valorização de 2,72%, negociado por R$ 830,00.

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

 
Sitevip Internet