Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Quarta-feira 14 de Abril de 2021

0 2
:
0 4
:
3 8

Últimas Noticias

Notícias / Agronegócio

2 Abr 2021 - 08:54

Após atingir limite de alta, soja em Chicago fecha com queda de 2,41%

O mercado corrigiu os ganhos obtidos nesta quarta, 31,, com fundos e especuladores realizando lucros na sessão desta quinta

Canal Rural

Os contratos futuros da soja negociados na Bolsa de Mercadorias de Chicago (CBOT) fecharam a quinta-feira, 1, com preços em baixa. Após atingir nesta quarta, 31, o limite de alta diário, reagindo ao relatório de intenção de plantio do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA), o mercado corrigiu tecnicamente, com fundos e especuladores realizando lucros.

Os contratos da soja em grão com entrega em maio fecharam com baixa de 34,75 centavos de dólar por libra-peso ou 2,41% a US$ 14,02 por bushel. A posição julho teve cotação de US$ 13,96 por bushel, com perda de 31 centavos ou 2,17%.

Paraná consegue se adiantar e colheita da soja chega a 88%

Nos subprodutos, a posição maio do farelo recuou US$ 13 ou 3,07% a US$ 410,20 por tonelada. No óleo, os contratos com vencimento em maio fecharam a 52,13 centavos de dólar, perda de 0,79 centavo ou 1,49%.

O fraco resultado das exportações semanais americanas e a expectativa de grande safra brasileira serviram de pretexto para a correção, com os agentes buscando um melhor posicionamento antes do feriado de Páscoa. Na semana, a posição maio subiu 0,18%.

Segundo o USDA, as exportações líquidas norte-americanas de soja, referentes à temporada 2020/21, com início em 1º de setembro, ficaram em 105.800 toneladas na semana encerrada em 18 de março. Representa um avanço de 4% frente à semana anterior e uma queda de 54% sobre a média das últimas quatro semanas. A China liderou as importações, com 124.000 toneladas.

Para 2021/22, foram mais 131.000 toneladas. Os analistas esperavam exportações entre 100 mil e 625 mil toneladas, somando-se as duas temporadas.

Mercado físico

Após os bons ganhos desta quarta, os preços da soja recuaram nesta quinta nas principais praças do país, acompanhando movimento semelhante nos contratos futuros em Chicago. A alta do dólar limitou a queda. O ritmo dos negócios foi bem mais lento do que o da quarta.

Em Passo Fundo (RS), a saca de 60 quilos recuou de R$ 171 para R$ 167. Na região das Missões, a cotação baixou de R$ 170 para R$ 166. No porto de Rio Grande, o preço caiu de R$ 175 para R$ 173.

Em Cascavel, no Paraná, o preço passou de R$ 166 para R$ 165 a saca. No porto de Paranaguá (PR), a saca recuou de R$ 175 para R$ 174.

Em Rondonópolis (MT), a saca baixou de R$ 166 para R$ 165. Em Dourados (MS), a cotação seguiu em R$ 156,50. Em Rio Verde (GO), a saca caiu de R$ 162 para R$ 161.

Dólar

O dólar comercial encerrou a sessão com alta de 1,45%, sendo negociado a R$ 5,7110 para venda e a R$ 5,7090 para compra. Durante o dia, a moeda norte-americana oscilou entre a mínima de R$ 5,6080 e a máxima de R$ 5,7170.

Na semana, o dólar caiu 0,51% ante o real.

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

Notícias Relacionadas

 
Sitevip Internet