Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Domingo 18 de Abril de 2021

2 0
:
0 4
:
4 2

Últimas Noticias

Campanha Publicitária

Notícias / Agronegócio

8 Abr 2021 - 11:29

Falta de chuvas já causa danos em plantações pelo Brasil

Redação Repórter Agro com Notícias Agrícolas

Repórter Agro/Tiago Seiffert

 (Crédito: Repórter Agro/Tiago Seiffert)
A falta de chuvas nas últimas semanas já apresenta reflexos ao desenvolvimento do milho safrinha em partes do Brasil. Dados da Agrymet de balanço hídrico mostram um quadro bastante preocupante para a cultura em áreas produtoras do Centro-Sul do país.

"Principalmente na região Centro-Sul, a gente vem enfrentando um ano bastante atípico. Já foi atípico no ano passado, quando a gente observou atraso no plantio da soja em grande parte do Brasil", pontua Paulo Sentelhas, CTO da Agrymet.

Segundo o especialista, não bastam chuvas serem registradas nas próximas semanas para reversão do cenário nas regiões de produção, também é preciso que o solo já tenha uma reserva hídrica disponível para garantir o desenvolvimento das plantas.


Apesar de chuvas irregulares estarem previstas para o Centro-Sul do país nos próximos dias, pontos do estado do Paraná, São Paulo, Minas Gerais, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul apresentam nos dados Agrymet reserva de água no solo abaixo de 40%.

"Esse cenário [com reserva abaixo de 40%], não afeta só o milho safrinha, vai afetar as plantas perenes e a cana que vem sofrendo muito com esse quadro que se estabeleceu desde o ano passado", pontua Sentelhas.

Para os próximos três meses, começando em abril, os modelos climatológicos apontam a possível continuidade de chuvas abaixo da média em pontos do Centro-Sul do Brasil, mas com certa irregularidade, e chuvas dentro a acima da média em áreas do centro, Norte e Nordeste.

Sentelhas recomenda aos produtores monitoramente minucioso das condições do tempo nos próximos meses.

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

 
Sitevip Internet