Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Sexta-feira 14 de Maio de 2021

0 6
:
3 2
:
2 2

Últimas Noticias

Notícias / Geral

9 Abr 2021 - 07:59

Novo Santo Antônio e Santa Cruz do Xingu são as únicas de MT que não registraram mortes por Covid-19

Redação

Em Mato Grosso, três municípios não registraram nenhuma morte por Covid-19 desde o início da pandemia: Novo Santo Antônio, Santa Cruz do Xingu e Araguainha. Os prefeitos avaliam o distanciamento social como principal aliado da baixa taxa de contaminação. Em dois dos municípios, o índice de vacinação está acima da média estadual.

Em Novo Santo Antônio, no nordeste de Mato Grosso, há 2.640 habitantes. Destes, 158 foram contaminados pela doença, o que representa 5,8% da população. Foram 206 pessoas vacinadas, o que representa 7,8% dos habitantes, média maior que a do estado, onde 5,8% dos moradores foram vacinados.

O prefeito de Santo Antônio, Adão Soares, acredita que as medidas preventivas e de conscientização da população foram essenciais para manter o índice constante. No entanto, ele conta que nos últimos três dias o número de casos ativos aumentou quase 100%, saltando de 14 casos para 27 após o feriado prolongado de Páscoa.

"Acreditamos que o feriado prolongado tenha influenciado. Por ser uma cidade na beira do rio, recebe visitantes, principalmente em feriados, de municípios vizinhos, como Bom Jesus do Araguaia e Querência, que estão com índice de contaminação maior. Além disso, acreditamos que os próprios habitantes de Novo Santo Antônio se descuidaram um pouco durante esses dias", relata.

Apesar de não ter nenhum óbito registrado, com o aumento de casos ativos, o município entrou em classificação de risco alto para contaminação da Covid-19. Por causa disso, o prefeito se reuniu, nesta quarta-feira (7), com gestores da Saúde, para decidir sobre novas medidas. Segundo o gestor, caso o aumento continue, ainda nesta quarta-feira o município deve decretar lockdown.

"Precisamos tomar alguma decisão antes que a situação piore e cheguemos a precisar de internações. Atualmente, apenas um dos pacientes está internado. Os outros estão em isolamento domiciliar. Queremos evitar casos graves", diz.

Adão explica a preocupação com as internações, porque Novo Santo Antônio não tem hospital que atenda os casos. Há apenas unidade básica de saúde. No entanto, pacientes em estado grave, precisam ir para o Hospital Regional de Água Boa, a 350 km do município.

Outra cidade que não registrou morte por Covid-19 durante a pandemia é Araguainha, no sudeste do estado, a 471 km da capital. O município tem 935 habitantes. Do total, 19 moradores foram infectados pelo novo coronavírus, o que corresponde a apenas 2% da população contaminada. Desses, apenas quatro estão ativos, segundo o último boletim da Secretaria Municipal de Saúde de Araguainha.

Outro fator que influencia é a campanha de vacinação, que começou no dia 21 de janeiro no município. Deste então, já foram vacinadas 136 pessoas, o que corresponde a 14,5% da população. Desses, 69 já tomaram a segunda dose. O índice de vacinação é bem mais alto que o do estado, que teve 5,8% da população imunizada e é também maior que o de muitos municípios mato-grossenses.

Já em Santa Cruz do Xingu, no nordeste do estado, 196 moradores testaram positivo para a Covid-19 desde o início da pandemia. O município tem 2,5 mil habitantes. Desses, 96 foram vacinados, um pouco mais de 3% da população. Dos três, este é o único município que tem o índice de vacinação abaixo do estadual, de 5,8%.

Segundo a prefeita Joraildes Soares, houve uma dificuldade maior no início da campanha de imunização, pois muitos moradores não queriam ser vacinados. Ela explica que houve um trabalho de conscientização e que agora a campanha tem adotado um ritmo maior.

A gestora acredita que o distanciamento social impactou na baixa taxa de contaminação. "No ano passado, houve lockdown, barreiras sanitárias no município. Além disso, neste ano investimos muito em testes, para que os infectados fossem diagnosticados e ficassem em casa. Acredito também que por ser uma cidade mais distante da capital, os casos demoraram mais a chegar em Santa Cruz do Xingu", avalia. O município, que fica há 994 km de Cuiabá, também não tem hospital de referência para a Covid-19, para casos de alta complexidade.

Atualmente, conta com um Posto de Saúde da Família (PSF), com respirador e oxigênio. No entanto, casos mais graves são encaminhados para a regional de Confresa, a 200 km do município. Segundo a prefeita, não há casos graves em monitoramento em Santa Cruz do Xingu no momento. A campanha de vacinação continua e está na fase de imunização dos idosos de 65 a 70 anos.

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

Notícias Relacionadas

 
Sitevip Internet