Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Sexta-feira 14 de Maio de 2021

0 7
:
5 9
:
3 5

Últimas Noticias

Notícias / Política

19 Abr 2021 - 13:50

Bolsonaro antecipa eleição de 2022 e lança deputado ao Senado em MT

Presidente rejeitou Medeioros no ano passado, mas o quer agora

WELINGTON SABINO

Reprodução

 (Crédito: Reprodução)
A disputa em 2022 pela única vaga ao Senado que será aberta para Mato Grosso, hoje ocupada pelo senador Wellington Fagundes (PL), promete ser acirrada. Embora ainda não se tenha qualquer definição sobre as alianças que serão costuradas, desde já o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) declarou que apoiará a candidatura de José Medeiros (Podemos), atualmente exercendo mandato de deputado federal.

“Mato Grosso eu já tenho candidato lá. É um deputado federal. Ele é da Polícia Rodoviária Federal também, o Medeiros. Não sei se ele é candidato também ”, disse Jair Bolsonaro em vídeo, sendo ovacionado por apoiadores que o cercavam quando questionado sobre as estratégias e apoios para o pleito eleitoral do próximo ano.A questão do apoio do Palácio do Planalto na disputa travada em Mato Grosso por uma vaga ao Senado ganhou relevância desde o ano passado na eleição suplementar para preencher a cadeira que ficou vaga com a cassação da senadora Selma Arruda (Podemos), por crimes de caixa 2 e abuso de poder econômico praticados no pleito de 2018. Naquela ocasião, o presidente foi pressionado por lideranças de partidos do Centrão como PSD e DEM que tinham candidatos para a eleição suplementar e por isso recuou de apoiar José Medeiros hipotecando seu apoio à então desconhecida do meio político, coronel Rúbia Fernanda Santos de Siqueira (Patriota).

Ao mesmo tempo, José Medeiros insistia em ter o apoio declarado do presidente o que não se concretizou, pelo menos publicamente. Outros dois candidatos no pleito suplementar também tentavam “colar” em Jair Bolsonaro afirmando ter o apoio do presidente: o empresário do setor frigorífico Reinaldo de Morais (PSC) e Elizeu Nascimento, deputado estadual e sargento da Polícia Militar, que na época estava filiado ao DC, mas hoje encontra-se nas fileiras do PSL.

Thank you for watching

Além disso, na disputa também estavam o ex-deputado federal Nilson Leitão (PSDB), coligado com o DEM, que não insistia no apoio declarado do presidente, mas fazia questão de demonstrar um certo “alinhamento” com as pautas defendidas por Jair Bolsonaro. Ao final, a candidata apoiada por Bolsonaro e os demais postulantes uma vaga de senador que “imploravam” pelo apoio do presidente foram derrotados nas urnas por Cárlos Favaro (PSD), eleito com apoio irrestrito do governador Mauro Mendes (DEM).

A eleição de 2022 para o Senado foi comentada por Jair Bolsonaro por causa de um grupo de apoiadores que o questionou sobre o assunto. Um homem e uma mulher não identificados no vídeo insistem junto ao presidente para apoiar um nome da direita e reclamam do racha entre eles ocorrido na eleição suplementar.

Quando Bolsonaro disse que apoiará José Medeiros, a mulher aproveitou para criticar a gestão do governador Mauro Mendes. Ela também “garante que Medeiros irá disputar o Senado ao invés de buscar a reeleição na Câmara Federal. “Ele é, nós estamos lá e ele [José Medeiros] em todos os momentos defende as suas pautas. E a gente pede por um novo governador em Mato Grosso porque ele só vai contra suas coisas, presidente. O agro está pedindo, está clamando, clama que o senhor veja as necessidades. Chega, precisamos presidente”, diz a mulher não identificada.

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

 
Sitevip Internet