Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Sexta-feira 24 de Setembro de 2021

1 1
:
5 7
:
4 9

Últimas Noticias

Enquete

Como você pretende investir o seu dinheiro nos próximos anos?

Notícias / Geral

10 Abr 2014 - 14:36

Cerca de 20 mil veículos apreendidos lotam pátios do Detran-MT

Número aumentou tanto que não há lugar suficiente para colocar veículos. Detran aluga terrenos para servir de depósito para veículos apreendidos.

G1 MT

 Cerca de 20 mil veículos apreendidos com irregularidades estão parados em pátios do Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso (Detran-MT) em vários municípios do estado. Aumentou tanto o número de veículos que não há lugar suficiente para colocar motos e carros. Por causa disso, o estado precisa alugar terrenos para colocar aqueles que são retirados de circulação durante as operações de trânsito.
Mais de 4,7 mil motocicletas tomam conta de boa parte de um pátio do Detran, em Cuiabá. Muitas foram apreendidas há mais de uma década. Com isso, praticamente não tem onde colocar os carros, que são acumulados em outros cantos, inclusive em cima das calçadas.
O motoboy Alci Reis contou que deu um jeito de retirar a motocicleta dele logo antes que deteriore. Ele teve a moto apreendida pela Polícia Militar há dois anos por não pagar IPVA e licenciamento. Para conseguir a liberação, teve de gastar R$ 1,2 mil. "Preciso da moto, porque é meu instrumento de trabalho. Faço entregas", contou.
A situação em outras cidades mato-grossenses também é crítica. Em Sinop, a 503 km da capital, no norte do estado, carros velhos e batidos viraram um amontoado de ferro velho.
Sem espaço nos pátios próprios, o Detran está pagando aluguel de terrenos. Em todo o estado, são oito pátios locados, que custam cerca de R$ 44 mil aos cofres públicos.
O Código de Trânsito Brasileiro (CTB) prevê que o dono tem até 90 dias para retirar um veículo apreendido. Após esse prazo, pode ir a leilão. Este ano foram leiloados 212 unidades e, nos próximos meses, outros 1,4 mil carros e motocicletas devem ser colocados à venda. Além disso, a direção do órgão prevê outras medidas para fazer um limpa.
O presidente do Detran, Eugênio Destri, disse que as carcaças dos veículos deverão ser vendidos por quilo. "Estamos preparando um edital para veículos inservíveis para que possamos vender a preço de quilo, onde a empresa que vender a licitação d

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

 
Sitevip Internet