Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Terça-feira 22 de Junho de 2021

0 1
:
2 3
:
0 3

Últimas Noticias

Notícias / Polícia

2 Jun 2021 - 17:20

Ex-deputado delatado por Silval Barbosa faz acordo e se livra de ação

Arthur Santos da Silva

Reprodução

 (Crédito: Reprodução)
O juiz Jeferson Schneider, da 5ª Vara Federal em Mato Grosso, homologou acordo de não persecução penal firmado entre o Ministério Público Federal (MPF) e o ex-deputado estadual Alexandre Cezar. Delação premiada do ex-governador Silval da Cunha Barbosa apresentou o ex-parlamentar recebendo dinheiro.Celebrado o acordo, Alexandre Cezar se livra da ação sob a condição de cumprir com as obrigações impostas. Uma das condições para formalização é que o acusado confesse o crime. Decisão é do dia 28 de maio.
 
Conforme os autos, as partes concordaram em prestar pena pecuniária no valor de R$ 64 mil, além de prestação de serviços à comunidade ou entidade pública, pelo período de dois anos e cinco meses. Ainda, o pagamento de R$ 50 mil, a título de reparação de danos. A prestação pecuniária e a reparação dos danos serão parceladas em até 12 vezes.
 
Além da Justiça Federal, Alexandre Cezar é processado na Justiça de Mato Grosso para apurar pagamentos de mensalinho. Recentemente o ex-deputado pediu pela revisão da decisão que determinou a indisponibilidade dos bens.
 Além de Alexandre Cesar, a ação por improbidade que gerou bloqueio aciona ainda o ex-governador  Silval Barbosa, o ex-chefe de gabinete Silvio Cezar Correa Araujo e os ex-secretários de Estado Valdisio Juliano Viriato e Mauricio Souza Guimarães.

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

 
Sitevip Internet