Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Domingo 5 de Dezembro de 2021

2 0
:
2 8
:
2 2

Últimas Noticias

Enquete

Na Sua opinião você é a favor ou contra a realização do carnaval em fevereiro de 2022

Notícias / Política

12 Jul 2021 - 15:11

TRE mantém cassação de Avalone por caixa 2, mas retira multa

Julgamento do recurso foi finalizado nesta segunda-feira (12); ele ainda pode recorrer ao TSE

Mídia News

O Pleno Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MT) negou um recurso e manteve, nesta segunda-feira (12), a cassação do deputado estadual Carlos Avalone (PSDB) por caixa 2 e abuso de poder econômico nas eleições de 2018.
 
Os membros decidiram, porém, em não aplicar uma multa de um salário mínimo (R$ 1.100) ao parlamentar por excesso de recurso. 
 
O julgamento teve início no dia 15 de junho. Na ocasião, a maioria da Corte seguiu o voto do relator, juiz-membro Fábio Henrique Rodrigues, para manter a cassação e multar Avalone.
 
No entanto,  o julgamento foi adiado após pedido de vista do presidente do TRE-MT, desembargador Carlos Alberto Alves da Rocha.
 
O caso voltou a ser julgado na última terça-feira (6). Carlos Alberto apresentou voto divergente do relator contra a aplicação da última. A  conclusão, todavia, foi novamente adiada após pedido de vista do juiz-membro Jackson Coutinho.
 
Nesta segunda-feira, Jackson Coutinho seguiu e voto do presidente para manutenção da cassação e não aplicação da multa.
 
Ao final, por unanimidade o Pleno decidiu por rejeitar o recurso e, por maioria, afastar aplicação da multa.
 
O deputado teve o mandato cassado em dezembro de 2020, mas ainda continua no cargo porque a decisão cabe recurso no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).
  
Avalone assumiu a cadeira de deputado em fevereiro de 2019, após Guilherme Maluf ter sido nomeado conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE). 
 
Apreensão de R$ 89,9 mil
 
A cassação refere-se à apreensão, ocorrida no dia 4 de outubro de 2018, de R$ 89,9 mil em um carro cheio de adesivos do então candidato, na BR-070, em Poconé.
 
A apreensão ocorreu durante uma abordagem rotineira da Polícia Rodoviária Federal (PRF). 
  
De acordo com boletim de ocorrência, ao parar o veículo, um Gol de cor prata, com três pessoas dentro, os policiais perceberam o nervosismo dos ocupantes e resolveram fazer uma revista. 
 
"A equipe iniciou uma fiscalização detalhada no veículo, onde no interior do seu porta-malas foi encontrada uma mochila contendo o valor de R$ 89.900,00”, disse a PRF em trecho do B.O.
 
Ainda segundo o B.O, o veículo possuía, no vidro do porta-malas, um adesivo de Avalone, além de vários "santinhos" do político. 
 
 

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

Notícias Relacionadas

 
Sitevip Internet