Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Domingo 19 de Setembro de 2021

0 9
:
1 5
:
4 5

Últimas Noticias

Enquete

Como você pretende investir o seu dinheiro nos próximos anos?

Notícias / Economia

15 Jul 2021 - 08:12

Etanol chega a R$ 5 e clientes abandonam combustível em MT

Usinas priorizam neste momento produção de açúcar

EMILY MAGALHÃES

Reprodução

 (Crédito: Reprodução)
Com a alta no preço do etanol, muitos consumidores têm reclamado e optado por abastecer com a gasolina. Em alguns postos de Mato Grosso, o preço do litro do etanol chega a quase R$ 5
Na última semana, o preço médio do diesel subiu em 3,18% nas usinas, refletindo nos valores das bombas. Na capital e região metropolitana, o litro do etanol está custando em média R$ 4,20.
Já em Rondonópolis, o etanol custa em média R$ 4,30. Segundo o Sindipetróleo, houve uma queda de 10 centavos no litro do combustível na Baixada desde a última semana.
Em Sinop, o valor varia entre R$ 3,99 e R$ 4,29. Já em Tangará da Serra, varia entre R$ 4,18 e R$ 4,29.
Em cidades do Vale do Araguaia, o valor é exorbitante. Em algumas localidades, chega a R$ 5.
Ainda de acordo com o Sindpetróleo, a maior cotação do dólar e o aumento do preço internacional dos combustíveis também podem influenciar no aumento do preço nas bombas. Outra situação seria o aumento na produção do açúcar e a diminuição da produção do etanol nas indústrias. 

FISCALIZAÇÃO

Cerca de 60 postos de combustíveis de Mato Grosso estão sendo investigados por suspeitas de práticas de preços abusivos. O Procon de Mato Grosso instaurou um procedimento para apurar o aumento no preço dos combustíveis em postos de Cuiabá, Várzea Grande e no interior do estado.
Segundo o órgão, foram expedidas notificações para apresentação de documentos fiscais de aquisição e venda dos combustíveis para apurar a variação de preços ocorrida. Os estabelecimentos devem apresentar a justificativa em até 10 dias. “Com o preço in loco constatado, solicitaremos o histórico de notas fiscais de venda e de aquisição dos combustíveis para aprofundar a análise e verificar se existe infração” explicou o coordenador de Fiscalização do Procon, Ivo Vinícius Firmo.
Na última quinta-feira (8), o Ministério da Justiça e Segurança Pública desencadeou em todo o País, a operação “Petróleo Real”.   Em Mato Grosso, a ação integrada foi coordenada pela Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT) e pela Delegacia do Consumidor (Decon). Os Procons municipais de Várzea Grande, Sorriso e Rondonópolis fizeram ações de fiscalizações independentes da Segurança Pública

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

Notícias Relacionadas

 
Sitevip Internet