Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Segunda-feira 27 de Setembro de 2021

0 9
:
0 8
:
3 9

Últimas Noticias

Enquete

Como você pretende investir o seu dinheiro nos próximos anos?

Notícias / Geral

28 Jul 2021 - 08:35

Auxílio alimentação dos magistrados pode chegar a R$ 1,7 mil em Mato Grosso

O valor consta no estudo do impacto financeiro nas finanças do TJMT

RD News

Reprodução

 (Crédito: Reprodução)
O auxílio alimentação para magistrados de Mato Grosso pode aumentar de R$ 1.150 mil para R$ 1.773 mil . Para  o aumento se concretizar, basta a  presidente do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT), desembargadora Maria Helena Garglione Póvoas, acatar o pedido feito pela Associação Mato-grossense dos Magistrados (Amam).

O valor  consta no estudo do impacto financeiro nas finanças do TJMT caso o  pedido para que o auxílio alimentação  seja equivalente  a 5% O auxílio alimentação para magistrados de Mato Grosso pode aumentar de R$ 1.150 mil para R$ 1.773 mil . Para  o au do subsídio de juízes e desembargadores.  Com isso, os 29 desembargadores   poderão  receber benefício de R$ 1.773 mil   enquanto para os juízes  o valor poderá  variar entre R$ 1.444 mil  e R$ 1.684  mil.   

O impacto financeiro anual será de R$ 1.580 milhão, ou, R$ 131.684,82 mil mensais. No entanto, a Amam justifica que se trata de reposição das perdas inflacionárias e que o último aumento ocorreu em 2018 após três anos de solicitações.

“Estamos há três anos com o auxílio alimentação no mesmo valor. Durante esse período houve perdas inflacionárias. Esperamos que a presidência do TJ reponha essas perdas pelo menos”, diz o presidente da Amam, juiz Tiago de Abreu.    

O auxílio alimentação dos magistrados foi criado em 2011 pelo ex-governador Silval Barbosa, no valor de R$ 300, para auxiliar na alimentação nos 22 dias mensais de trabalho. Em 10 anos,  foi reajustado em 385%.

A Assembleia, que aprovou a Lei criando o auxílio alimentação da magistratura,  também concedeu ao TJTM o direito de reajustá-lo. A presidência da Corte ainda analisa o pedido e não se manifestou sobre o mérito.

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

Notícias Relacionadas

 
Sitevip Internet