Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Segunda-feira 25 de Outubro de 2021

0 7
:
0 8
:
2 2

Últimas Noticias

Notícias / Polícia

25 Ago 2021 - 16:49

PF combate extração de madeira em área onde vivem indígenas isolados

Aldeia é localizada na região de Colniza; madeireiros ameaçam invadir local

Da Redação Agência Da Notícia com Folha Max

Reprodução

 (Crédito: Reprodução)
Nesta quarta-feira (25), a Polícia Federal com o apoio da Força Nacional e Ibama, realizaram ação de repressão ao desmatamento na Terra Indígena Kawahiva do Rio Pardo.

Durante o deslocamento para terra indígena, um veículo que trafegava no local, incorporou ao comboio da fiscalização e adentrou ás proximidades da área a ser fiscalizada, devido a atitude suspeita, o veículo foi abordado pelos policiais. Os ocupantes do veículo informaram que estavam trabalhando em uma região de manejo florestal, fora da terra indígena. Ao averiguar o local, foi constatado um carregamento de madeira que aparentemente estava em situação regular.  

A PF possui tecnologia de monitoramento (Sistema PLANET-SCCON) que identifica focos de desmatamento com precisão. Com esses dados, ocorrem as incursões policiais para averiguar a real situação, mesmo em regiões de difícil acesso, confirmando o compromisso da instituição na prevenção e combate aos crimes ambientais.   

A Terra Indígena Kawahiva do Rio Pardo fica localizada no município de Colniza. A área é habitada por um grupo indígena autônomo (também chamado de isolado), que vive na floresta, sem relações diretas com a sociedade nacional, sofrendo ameaças de madeireiros que atuam na região.

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

Notícias Relacionadas

 
Sitevip Internet