Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Domingo 17 de Outubro de 2021

1 8
:
3 4
:
4 9

Últimas Noticias

Notícias / Polícia

11 Out 2021 - 09:28

Polícia prende pai que estuprava filho menor com frequência em Vila Rica

O homem foi preso pela Polícia Civil no estado do Pará.

Agência da Notícia com Redação

Agência da Notícia com Reprodução

O homem foi preso pela Polícia Civil no estado do Pará. (Crédito: Agência da Notícia com Reprodução)

O homem foi preso pela Polícia Civil no estado do Pará.

Acusado de estuprar o filho de 15 anos com frequência, o pai da vítima que estava foragido de Mato Grosso foi preso no Pará. A madrasta do menino flagrou o crime e denunciou à Polícia Civil em Vila Rica (1.259 km a nordeste de Cuiabá). Exames apontaram que o adolescente sofria abusos há algum tempo. 

  
O suspeito de 42 anos teve a ordem de prisão preventiva decretada pelo juízo da Comarca de Vila Rica, pelo crime cometido contra o próprio filho. Ele foi preso no distrito de Vila Mandi, no estado do Pará.

As investigações iniciaram no dia 21 de setembro, após a madrasta da vítima procurar a Delegacia de Vila Rica e registrar a ocorrência. Ela informou que na noite anterior, dia 20, teve uma discussão com o marido, foi dormir e deixou o enteado de 15 anos dormindo no sofá da sala.

 

Leia também: Homem é flagrando estuprando o próprio filho em Vila Rica
 

Durante a madrugada, a mulher levantou para olhar suas filhas que dormiam em um dos quartos, foi até a sala e percebeu que o enteado não estava no sofá, quando ouviu um barulho vindo do banheiro. Ela forçou a porta e ao entrar, percebeu que seu enteado estava sem roupa e o marido sem as vestes de baixo.

 

A madrasta tirou o menor do banheiro, perguntou se ele estava sendo estuprado pelo pai e o filho confirmou com detalhes os abusos ocorridos. Revoltada, a esposa pegou um cabo de rodo e começou a bater no suspeito, que fugiu. 

 

No decorrer das investigações, a vítima foi submetida a exame periciais e foi constatado que os abusos eram recorrentes. Diante da gravidade dos fatos, o delegado de Vila Rica, José Ramon Leite, representou pela prisão preventiva do suspeito, deferida pela Justiça.

 

Ainda segundo a apuração, o investigado tinha outro mandado de prisão em aberto, decretado pela Comarca de São Félix do Xingu, no Pará, pelo crime de estupro de vulnerável contra uma criança, que na época dos fatos era sua cunhada. 

 

Com o mandado de prisão os policiais civis de Vila Rica realizaram diligências ininterruptas, localizaram e prenderam o foragido.


Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

Notícias Relacionadas

 
Sitevip Internet