Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Quarta-feira 17 de Agosto de 2022

1 6
:
5 9
:
4 6

Últimas Noticias

Notícias / Política

4 Jan 2022 - 10:43

O prefeito de Rondonópolis sai em defesa obrigatoriedade da apresentação da comprovação da vacinação

Município exige documento para entrada em comércio; Legislativo de MT discute tema em 2022

Agência da Notícia com Redação

Agência da Notícia com Reprodução

 (Crédito: Agência da Notícia com Reprodução)
O prefeito de Rondonópolis José Carlos do Pátio (SD), o Zé do Pátio, saiu em defesa obrigatoriedade da apresentação da comprovação da vacinação da Covid-19, o chamado passaporte sanitário, em ambientes comerciais no Estado.

No município, a apresentação do documento é obrigatória para ingressar em ambientes comerciais, como supermercados e lojas. 

“Colocamos a vigilância sanitária em frente às lojas. As pessoas precisam cuidar da vida. Alguns prefeitos da Região Sul me agradeceram. É que muitas pessoas vão comprar em Rondonópolis. E agora, com esse endurecimento das medidas, aumentou a vacinação não só em Rondonópolis como nas cidades do interior”, afirmou Pátio.

Segundo Pátio, assim como a carteira de identidade, o passaporte é apenas mais um documento que deve ser levado junto ao cidadão.

“Você carrega todo dia a sua carteira de identidade, não carrega? É só carregar o passaporte da vacina provando que tomou a vacina. É carregar mais um documento”, disse.

Discussão no Legislativo

Um projeto de lei que tramita na Assembleia Legislativa de Mato Grosso tenta proibir a exigência do documento para ingresso comércios, igrejas e templos no Estado. 

Em meio a polêmicas, a discussão foi adiada e deve entrar em pauta na primeira sessão de janeiro de 2022.

Para Pátio, a prerrogativa para o assunto é dos prefeitos dos municípios, e não do Legislativo.

“Essa questão tem que deixar para o gestor, analisando a gravidade da doença no município”, defendeu.

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

Notícias Relacionadas

 
Sitevip Internet