Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Segunda-feira 27 de Setembro de 2021

1 1
:
1 9
:
5 8

Últimas Noticias

Enquete

Como você pretende investir o seu dinheiro nos próximos anos?

Notícias / Polícia

15 Abr 2014 - 08:00

Acusado de assassinato é executado no bairro Lixeira

Polícia Civil investiga se existe relação entre os dois crimes

Mídia News

 Leandro Benedito dos Santos Ávila, o “Jabuti”, de 27 anos, foi assassinado com dois tiros no tórax na rua Antônio Batista Belém no bairro Lixeira, em Cuiabá.

Testemunhas disseram que chegaram dois ocupantes numa motocicleta e um deles perguntou se ele era o Jabuti. Ao responder afirmativamente, o suspeito que estava na garupa sacou um revólver e começou a atirar. O assassinato ocorreu neste domingo (13) por volta das 19h30.

Ferido em estado grave, a vítima chegou a ser levada de carro por uma vizinha ao Pronto-Socorro de Cuiabá, mas Leandro morreu durante o trajeto.

Segundo policiais que atenderam a ocorrência, a vítima foi indiciada em agosto do ano passado por homicídio seguido de tentativa de homicídio. À época, chegou a ser detido, mas respondia pelo crime em liberdade.

Ele era suspeito de executar a tiros o ex-presidiário Almides da Silva, de 35 e tentar matar Odinei Pereira, de 22, após uma briga por causa de mulher no bairro da Lixeira. O crime ocorreu numa casa na rua São Luiz.

Aos policiais, ele confessou o crime e alegou que estava sendo ameaçado de morte por Almides e resolveu se antecipar. Ele não entregou a arma do crime.

Testemunhas disseram que Leandro invadiu o casa onde estavam as duas vítimas e começou a atirar tendo como alvo Almides, que foi baleado na costas e morreu no local. Odinei, que estava próximo, foi atingido por dois tiros na cabeça e levado ao Pronto-Socorro de Cuiabá.

Conforme policiais da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa, Almides havia saído no dia anterior de uma unidade prisional da Grande Cuiabá e horas depois Leandro o procurou por causa de uma mulher e os dois se desentenderam.Leandro Benedito dos Santos Ávila, o “Jabuti”, de 27 anos, foi assassinado com dois tiros no tórax na rua Antônio Batista Belém no bairro Lixeira, em Cuiabá.

Testemunhas disseram que chegaram dois ocupantes numa motocicleta e um deles perguntou se ele era o Jabuti. Ao responder afirmativamente, o suspeito que estava na garupa sacou um revólver e começou a atirar. O assassinato ocorreu neste domingo (13) por volta das 19h30.

Ferido em estado grave, a vítima chegou a ser levada de carro por uma vizinha ao Pronto-Socorro de Cuiabá, mas Leandro morreu durante o trajeto.

Segundo policiais que atenderam a ocorrência, a vítima foi indiciada em agosto do ano passado por homicídio seguido de tentativa de homicídio. À época, chegou a ser detido, mas respondia pelo crime em liberdade.

Ele era suspeito de executar a tiros o ex-presidiário Almides da Silva, de 35 e tentar matar Odinei Pereira, de 22, após uma briga por causa de mulher no bairro da Lixeira. O crime ocorreu numa casa na rua São Luiz.

Aos policiais, ele confessou o crime e alegou que estava sendo ameaçado de morte por Almides e resolveu se antecipar. Ele não entregou a arma do crime.

Testemunhas disseram que Leandro invadiu o casa onde estavam as duas vítimas e começou a atirar tendo como alvo Almides, que foi baleado na costas e morreu no local. Odinei, que estava próximo, foi atingido por dois tiros na cabeça e levado ao Pronto-Socorro de Cuiabá.

Conforme policiais da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa, Almides havia saído no dia anterior de uma unidade prisional da Grande Cuiabá e horas depois Leandro o procurou por causa de uma mulher e os dois se desentenderam.

 
Sitevip Internet