Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Domingo 20 de Setembro de 2020

0 4
:
3 7
:
5 5

Últimas Noticias

Campanha Publicitária

Notícias / Geral

15 Abr 2014 - 15:00

TRE/MT apresenta aplicativo Pardal, que permite envio de fotos e denúncias via smartphones

O sistema permite que a Justiça Eleitoral receba a denúncia em tempo real e atue rapidamente na fiscalização

Olhar Direito

 O Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso (TRE/MT) apresentou nesta manhã de terça-feira (15), durante coletiva de imprensa, o aplicativo Pardal, que é um Sistema de Recebimento de Denúncias Eleitorais, que permite aos cidadãos enviar, inclusive via celular, fotos, vídeos ou qualquer outro documento em formato eletrônico sobre irregularidades no processo eleitoral.

Mato Grosso é o segundo estado do país a usar o sistema, que foi desenvolvido pelo Tribunal Regional Eleitoral do Espírito Santo. O sistema permite que a Justiça Eleitoral receba a denúncia em tempo real e atue rapidamente na fiscalização. A novidade foi apresentada pelo presidente do TRE/MT, o desembargador Juvenal Pereira da Silva e pela desembargadora corregedora, Maria Helena G. Póvoas.

Justiça Eleitoral encerra 3ª fase da biometria com 11,2 milhões de eleitores recadastrados

Segundo informações da equipe técnica que esteve presente no evento, o sistema foi totalmente desenvolvido pela Secretaria de Tecnologia da Informação do Tribunal Eleitoral do Espírito Santo e já está em funcionamento. Os técnicos se inspiram no sistema que controla a velocidade dos veículos, também chamado de Pardal.

Neste primeiro momento, o aplicativo só está disponível para os usuários de smartphones com o sistema androide. O aplicativo Pardal pode ser baixado via celular, pelo Play Store, fazendo a busca por “Pardal TRE/MT”. O usuário também pode conseguir a ferramenta no portal do TRE-MT, pelo link com a logo do “Pardal”: http://apps.tre-mt.jus.br/pardal-web/public/inicial.jsf

Para enviar uma denúncia pelo Pardal é necessário anexar ao menos uma prova: pode ser uma foto, vídeo, página da internet ou qualquer outro documento em formato eletrônico anexado, desde que o denunciante comprove a propaganda irregular.
O presidente do TRE/MT, informou que o próprio sistema já encaminha as denúncias para o juiz da respectiva Zona Eleitoral onde estão acontecendo as possíveis irregularidades. “ A denúncia passa a ser apurada de forma imediata. Queremos salientar que denúncias falsas, com o intuito de desviar o foco da Justiça Eleitoral, serão averiguadas. Caso tenha procedência a demanda será encaminhada para a Polícia Federal e Ministério Público”, informou o desembargador Juvenal Pereira da Silva ao Olhar Jurídico.

A corregedora eleitoral, afirmou ainda que a Justiça Eleitoral está de olhos bem abertos para evitar fraudes nas eleições. “Neste pleito a Justiça Eleitoral está aparelhada para combater o crime eleitoral. Firmamos uma parceria com a Polícia Federal. E o aplicativo Pardal é uma forma ágil e moderna de fazermos eleições limpas para valer a escolha do cidadão”, enfatizou em entrevista.


 
Sitevip Internet