Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Sábado 5 de Dezembro de 2020

0 2
:
4 9
:
4 2

Últimas Noticias

Notícias / Geral

23 Abr 2014 - 09:20 | Atualizado em 23 Abr 2014 - 11:04

Professores da rede municipal de Confresa estão novamente em greve (Vídeo)

Prefeitura de Confresa não teria comprido acordo de efetuar o pagamento dos dias em que houve a primeira paralisação da classe em março

Agência da Notícia com Redação

Os professores municipais de Confresa decidiram entrar em greve novamente. A decisão aconteceu nesta terça-feira (23), após o prazo estabelecido pela categoria para o executivo municipal realizar o pagamento referente ao mês de março, quando foram cortados oito dias do ponto dos profissionais que estavam em greve.
Nesta terça-feira (23) os profissionais fizeram um movimento em frente a Prefeitura Municipal. “O governo municipal não cumpriu com o acordo e por isso estamos em greve novamente, as coisas tem de acontecer de forma correta”, disse a Presidente do Sintep em Confresa Lucimeire Lazara.

O movimento de paralização em março, durou 14 dias e chegou ao fim após o acordo firmado entre as partes, com 12,5% de reajuste para março, 3% em outubro e outros 7% em fevereiro próximo. Mas a surpresa da categoria foi o corte dos pontos, o que foi considerado uma ação "sorrateira" da administração, mas que foi justificada pela assessoria de comunicação da Prefeitura como um erro do Recursos Humanos, mas que seria corrigido.

O prazo para correção venceu na última quarta-feira e não aconteceu o pagamento, com o feriadão de pascoa, os professores estipularam a próxima terça como dia final. Caso o pagamento dos cortes não foi regularizado, a greve foi retomada e novamente cerca de 3.500 alunos estão fora das salas de aula, antes de reporem os dias perdidos no primeiro movimento.


Vídeo Relacionado

Comentários no Facebook

Comentários no Site

1 comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

  • por Paulo Adolfo, em 24 Abr 2014 às 11:04

    Os profissionais da educação de Canabrava estão em greve também. Vale a pena uma matéria.

Notícias Relacionadas

 
Sitevip Internet