Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Sexta-feira 17 de Setembro de 2021

1 5
:
2 1
:
3 4

Últimas Noticias

Enquete

Como você pretende investir o seu dinheiro nos próximos anos?

Notícias / Agronegócio

1 Mai 2014 - 07:54

Desenvolvimento do milho e pragas serão averiguados em raio-x

O Imea frisou durante a coletiva de imprensa que estes 25% de lavouras sofrerão com redução das chuvas.

Agro Olhar

 O andamento da produção de milho e as pragas e doenças no ciclo 2013/2014 serão averiguados no 1º Circuito Tecnológico Etapa Milho. Serão percorridas cerca de 150 propriedades produtoras de milho entre os dias 5 e 9 de maio.

Segundo o diretor técnico da Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja-MT), Luiz Nery Ribas, serão colhidas desde informações técnicas até produção, cultivares utilizados, sobre plantas daninhas, doenças, pragas, entre outros.

Serão quatro equipes divididas entre as quatro regiões do Estado. Estão programadas paradas a cada 10 quilômetros. “Os produtores não serão comunicados. As propriedades serão visitadas aleatoriamente entre as quatro regiões. Tivemos bons resultados nas cinco edições da soja e decidimos fazer um raio-x do milho, pois a cada ano a cultura está mais consolidada e necessitamos de mais informações sobre ela”, frisou Nery durante coletiva de imprensa sobre o raio-x do milho.

Hoje, conforme dados do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea), 73% da área destinada à segunda safra em Mato Grosso é semeada com milho. “Se a região Sul do Brasil não tivesse tido 50% de quebra na safra de milho a nossa redução na área e produção poderia ser maior da verificada. Como houve quebra lá os produtores em Mato Grosso arriscaram para plantar um pouco mais”, disse Nery.

De acordo com o Imea, 25% das lavouras de milho em Mato Grosso está em xeque devido o plantio ter avançado em março. O Imea frisou durante a coletiva de imprensa que estes 25% de lavouras sofrerão com redução das chuvas.

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

Notícias Relacionadas

 
Sitevip Internet