Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Sexta-feira 24 de Setembro de 2021

1 2
:
3 9
:
2 3

Últimas Noticias

Enquete

Como você pretende investir o seu dinheiro nos próximos anos?

Notícias / Política

2 Mai 2014 - 15:10

Silval critica Maggi e diz que decisão é "equivocada"

Governador diz que senador poderia "contribuir mais com o Estado"

Mídia News

 O governador Silval Barbosa (PMDB) criticou a decisão do senador Blairo Maggi (PR) de se retirar da disputa pelo Governo do Estado nas eleições deste ano.

Silval classificou a decisão como “equivocada” e afirmou que, na política, ninguém depende somente de si mesmo.

“A decisão é equivocada. Eu acho. Porque, a partir do momento em que a pessoa entra na vida pública, não depende mais só dela. É um grupo que acredita naquela pessoa. Essa é a hora de ele dar a contribuição dele. Não por ele, porque eu sei que fazer política hoje é sacrifício”, disse o governador, após visitar o estande onde está exposta a taça da Copa do Mundo, na Arena Pantanal, na manhã desta sexta-feira (2).
Silval afirmou que Maggi precisa dar sua contribuição novamente no comando Palácio Paiaguás, pois a população acredita nele.

O senador do PR lidera as pesquisas de intenção de voto e é considerado o melhor candidato para derrotar o provável adversário da situação, o senador Pedro Taques (PDT).

“Ele poderia ter dado um pouquinho mais dele, poderia contribuir um pouco mais com o Estado. Tantas coisas boas vêm acontecendo. Blairo Maggi é uma pessoa em que as pessoas acreditam. Há um entusiasmo, as pessoas estão acreditando no potencial de crescimento do Estado, mas acima de tudo no nome dele”, completou o governador.

Manutenção do arco

Silval Barbosa afirmou, também, que uma eventual saída do PR do arco de aliança governista também seria uma decisão equivocada.

“Se o PR sair desse arco, será um equívoco muito grande. O PR participou e participa do Governo. Sempre fizemos política juntos”, disse.

Silval observou que, sem Maggi como opção, agora o grupo formado por 12 partidos (PMDB, PT, PR, PSD, PROS, PP, PC do B, PSC, PRB, PEN, PTC e PSL) terá que decidir entre os três pré-candidatos a governador colocados.

São eles: o vice-governador Chico Daltro (PSD), o ex-juiz federal Julier Sebastião da Silva (PMDB) e o ex-vereador Lúdio Cabral (PT).

O governador considerou todos os pré-candidatos "bons nomes" para a disputa.

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

 
Sitevip Internet