Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Sexta-feira 18 de Setembro de 2020

2 0
:
0 7
:
5 4

Últimas Noticias

Campanha Publicitária

Notícias / Política

7 Mai 2014 - 14:08

Taques espera contar com apoio de Blairo para disputar o governo

Os dois conversaram, há poucos dias, quando Blairo lhe disse que não disputará e que o PR está livre para se coligar com quem quiser

Só Notícias

O senador Pedro Taques, pré-candidato a governador de Mato Grosso, disse ao Só Notícias que compreende o posicionamento político do senador Blairo Maggi (PR) que não deverá apoiá-lo na disputa pelo governo de Mato Grosso por conta da postura adversária que Taques tem ao governo Dilma.

Os dois conversaram, há poucos dias, quando Blairo lhe disse que não disputará e que o PR está livre para se coligar com quem quiser. Blairo pediu aos aliados que não insistam para que concorra ao terceiro mandato, reafirmou que está fora do processo eleitoral mas que apoiará a presidente Dilma (PT) à reeleição. Taques afirmou que respeita o posicionamento do Blairo e acredita que pode ocorrer um entendimento futuro. "Compreendo políticamente a decisão do Blairo porque a questão nacional é diferente que está em Mato Grosso onde vamos dar palanque para Aécio e o Eduardo Campos (PSB). A Dilma e PT querem um palanque exclusivo para ela o que não podemos proporcionar porque no Congresso tenho atuação independente e o PDT a nível nacional está com o governo", disse Taques.

"Blairo liberou o PR para vir pro campo da oposição, o que é tratado partidariamente. Ainda espera contar com o apoio dele que, por hora, não poderá me apoiar mas não colocou nenhum obstáculo futuro. Vejo que o senador Maggi é personalizadade política importante para o Estado. É importante apoio político dele", emendou o pedetista. Taques afirmou que a conversa com líderes do PR é feita partidariamente, o PDT e demais siglas. "Estamos contruindo nosso grupo político, programa de governo para fazer o Estado progredir, ser mais eficiente, honesto, igualitário, transparente. Quero ser governador do Estado e não imperador", declarou. 

 
Sitevip Internet