Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Sexta-feira 18 de Setembro de 2020

2 1
:
1 9
:
1 5

Últimas Noticias

Campanha Publicitária

Notícias / Política

8 Mai 2014 - 10:29 | Atualizado em 8 Mai 2014 - 10:37

PR nega acordo com Mendes, mas sinaliza para Taques

Emanuel Pinheiro diz que, por ora, não há pressa para uma definição

Mídia News

 O PR ainda não fechou acordo com o senador e pré-candidato ao Governo do Estado pelo PDT, Pedro Taques e com nenhum outro partido ou coligação.

A garantia é do secretário-geral do partido, deputado Emanuel Pinheiro.

De acordo com ele, não há pressa para definir de que lado o PR vai estar em outubro, nas eleições.

“Vamos estar ao lado da melhor proposta de Governo para Mato Grosso, independentemente de quem seja o candidato”, afirmou Pinheiro ao MidiaNews.

Especulações no final da tarde de terça-feira (6) davam como certo um entendimento entre o prefeito de Cuiabá, Mauro Mendes (PSB) - um dos interlocutores de Pedro Taques - e as lideranças republicanas.

Porém, segundo Emanuel Pinheiro, foram "só boatos".

“Nós continuamos conversando com todos os partidos e candidatos. O caminho natural, pelo quadro que vem se desenhando, é que caminhemos com a candidatura do senador Pedro Taques. Mas, isso só será definido lá na frente. Por enquanto, são só conversas”, afirmou.

De acordo com o parlamentar, o PR não aceita as denominações "situação" e "oposição".

“Estamos preocupados com a governabilidade, com Mato Grosso, com a população mato-grossense. Então, não há situação nem oposição, há projetos, compromissos e é em cima disso que vamos trabalhar”, disse.

Efeito Maggi

O fato de o PR ter se tornado a “bola da vez” na preferência dos principais pré-candidatos ao Governo do Estado deve-se ao fato de que o seu “peso político” é considerado muito grande.

Principalmente, por causa da figura do senador Blairo Maggi, ex-governador por dois mandatos e que vinha liderando todas as pesquisas de intenção de votos, até dizer, taxativamente, que não será candidato.
“O PR é o maior partido do Estado, tem o maior número de filiados, tem muitos prefeitos e vereadores na base, tem boa representatividade na Assembleia. Então, é natural que surja o interesse dos candidatos. Mas, podem ter certeza de que nós entendemos que o que está em jogo é o futuro do Estado, e não apenas um projeto ou questão política”, completou Emanuel Pinheiro.

 
Sitevip Internet