Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Segunda-feira 1 de Março de 2021

0 0
:
2 9
:
0 0

Últimas Noticias

Notícias / Polícia

9 Mai 2014 - 15:25

Presídio feminino passa por revista após fotos de detentas na web em MT

Varredura é feita na tentativa de apreender telefones celulares.

No Poder

 Após suspeita de que detentas que cumprem pena na Penitenciária Feminina Ana Maria do Couto May, emCuiabá, tiraram fotos na prisão e postaram essas imagens em um site de relacionamento na internet, agentes prisionais do Serviço de Operações Especiais (SOE) fazem uma varredura na unidade prisional, nesta sexta-feira (9). Segundo a Secretaria Estadual de Justiça e Segurança Pública (Sejudh), as presas estão sendo identificadas e uma revista será feita para evitar que os celulares permaneçam nas celas.

A diretora da penitenciária, Elizabeth Ourives, confirmou que foram publicadas na web fotos tiradas dentro da unidade. "Tem fotos que foram tiradas dentro da penitenciária e outras que não. É possível que elas [reeducandas] tenham celulares, porque sempre durante as revistas são encontrados aparelhos", afirmou.

Já o secretário de Justiça e Direitos Humanos (Sejduh), Luiz Pôssas de Carvalho, explicou que, pelos cenários das imagens, não dá afirmar que as fotos foram tiradas dentro da unidade. "Vamos averiguar se essas fotos foram tiradas de dentro da prisão e já iniciamos um processo de verificação", disse. Segundo ele, é feita uma varredura por mês em todas as celas na tentativa de apreender eletrônicos e outros objetos que estiverem em posse das reeducandas.

A Sejudh informou ainda que uma equipe de inteligência está fazendo uma pesquisa sobre a identidade das presas, bem como sobre a data em que as fotos foram tiradas e em quais celas. Caso seja confirmada, as reeducandas que usaram celulares na prisão para tirar fotos e postar na internet podem ser penalizadas. Atualmente, o presídio feminino conta com 167 reeducandas.

No ano passado, um reeducando que cumpria pena na Penitenciária Central do Estado (PCE), na capita, ficou 10 dias em uma cela de isolamento depois de publicar fotos e acessar o Facebook pelo celular de dentro da unidade prisional. Nas mensagens postadas no site de relacionamento, ele comentou sobre a rotina na prisão, bem como fotos usando o telefone celular, com acesso à internet, e jogando videogame.

 
Sitevip Internet