Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Segunda-feira 1 de Março de 2021

0 0
:
1 3
:
1 4

Últimas Noticias

Campanha Publicitária

Notícias / Geral

15 Mai 2014 - 11:35

Radares eletrônicos serão instalados em Cuiabá ao custo de R$ 39 milhões

Licitação da Prefeitura foi vencida pelo consórcio CMT nesta quarta-feira. Esta foi a segunda tentativa de licitar sistema de monitoramento do trânsito.

G1 MT

 O Consórcio Monitoramento de Trânsito (CMT) venceu nesta quarta-feira (14) licitação lançada pela Prefeitura de Cuiabá para serviços de instalação de radares e câmeras de controle de tráfego na capital pelo valor de R$ 39 milhões. O certame teve a participação de quatro concorrentes.
Segundo a Prefeitura, os próximos 15 dias serão de testes de lombadas eletrônicas, radares fixos e detectores de avanço de semáforo. Em 30 dias deverá ser iniciada a instalação permanente dos equipamentos em fases até o fim do ano.
Vencedor da licitação, o CMT terá de fornecer e instalar, entre outros, 30 câmeras de monitoramento, uma unidade móvel de monitoramento, 44 lombadas eletrônicas, 44 radares fixos e 55 detectores de avanço semafórico. O consórcio também vai fornecer uma Central de Inteligência e Controle de Trânsito e equipamentos para apoio aos agentes, como talonários eletrônicos de infração.
Antes da licitação, a previsão da Prefeitura era de destinar R$ 43,8 milhões para a instalação dos equipamentos de monitoramento do trânsito.
Em fevereiro, a Prefeitura tentou licitar os serviços de monitoramento, mas nenhuma empresa se interessou pelo processo, forçando a Secretaria Municipal de Transportes Urbanos (SMTU) a fazer alterações no edital.
O titular da SMTU, Antenor Figueiredo, explicou que os equipamentos estarão em testes durante cerca de 15 dias. Somente a partir de 30 dias a instalação permanente nas ruas será iniciada, com cronograma de se concluir até o fim do ano, permitindo um acompanhamento do trânsito da capital em tempo real, gerando estatísticas e transmitindo dados para a Central de Inteligência.
Até agora, sabe-se que as vias com maior concentração de acidentes graves por excesso de velocidade e imprudência são a Avenida Historiador Rubens de Mendonça (Avenida do CPA), Avenida Fernando Corrêa da Costa e Avenida Miguel Sutil.
A Avenida do CPA e a Avenida República do Líbano, por exemplo, receberão a instalação de três tipos de equipamentos de controle (lombadas eletrônicas, radares fixos e detectores de avanço semafórico). Já a Fernando Correa receberá apenas os radares e detectores de avanço, assim como a Miguel Sutil (confira as principais vias na tabela).

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

 
Sitevip Internet