Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Sexta-feira 5 de Março de 2021

2 3
:
0 5
:
3 7

Últimas Noticias

Campanha Publicitária

Notícias / Polícia

15 Mai 2014 - 11:45

Homem é morto com várias facadas em Aripuanã

Segundo o delegado não há duvidas da participação dos acusados.

Juina News

 Sadir Polles (63), vulgo “Profeta”, foi morto por volta das 19h dessa terça-feira (13), com varias perfurações de faca, o crime aconteceu no bairro Vila Operaria, em Aripuanã - MT. A Polícia Judiciária Civil, prendeu em flagrantes três pessoas, uma delas confessou ter praticado o homicídio.

A Polícia Militar, foi informada do ocorrido e, ao chegar ao local encontrou o corpo da vítima caído em uma sala, onde está sendo construída a creche do bairro. Foram constatadas várias perfurações por “arma branca” nas costas, um corte no pescoço e o abdômen praticamente aberto.

Três homens estavam no local, eles informaram aos policias que, tinham ido até um bar para tomarem cerveja e, ao retornarem encontraram o “Profeta” morto. Também relataram ao policias militares, que, conheciam a vítima, pois, trabalharam juntos na construção da creche, mas, que agora eles apenas moravam no local.

Com a chegada da Polícia Judiciária Civil, algumas pistas começaram a ser levantadas, e as pessoas que até então havia apenas localizado o corpo da vítima, passou a serem suspeitas. No banheiro da residência ao lado, ondem moravam, os investigadores encontraram uma esponja com manchas de sangue. Foi constatado ainda que algumas roupas foram lavadas recentemente e no depoimento dos três havia contradições.

Os três foram conduzidos à delegacia, onde foram identificados e colhidos seus depoimentos. Um deles, Wesley Pereira Silva, 25, confessou ter praticado o homicídio por vingança, pois segundo ele, a vítima havia lhe dado um tapa no rosto durante uma discussão. Outro, identificado como José Celeste da Silva Neto, 48, que já tinha um mandado de prisão preventiva em aberto pelo crime de homicídio praticado no estado de Rondônia, negou a participação, mas confessou que sabia do crime. Outro, identificado como José Lucio de Jesus Silva, 31, negou a participação e disse que não estava no local quando aconteceu o homicídio. Os três foram presos em flagrantes.

Dr. Albertino Félix de Brito Junior, delegado da Polícia Judiciária Civil, indiciou os três pela pratica de homicídio doloso qualificado. Segundo o delegado não há duvidas da participação dos acusados.

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

 
Sitevip Internet