Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Terça-feira 22 de Setembro de 2020

0 5
:
1 2
:
5 7

Últimas Noticias

Notícias / Agronegócio

17 Mai 2014 - 08:13

Tecnologia de controle à Spodoptera está perdendo eficácia em lavouras de algodão de MT

O fato traz à tona a discussão sobre o comportamento do produtor brasileiro em relação ao cumprimento do manejo adequado para promover a durabilidade das tecnologias

Agro Olhar

 A tecnologia de controle ao ataque de lagartas Spodoptera está perdendo a eficácia em lavouras de algodão de Mato Grosso e, nesta safra 2013/2014, a praga tem sido uma preocupação para os cotonicultores.

De acordo com Álvaro Salles, diretor executivo do Instituto Mato-grossense do Algodão (IMAmt), a Spodoptera está causando dor de cabeça ao produtor devido ao aumento de insetos resistentes ao evento Cry1F, que no milho tem o nome de Herculéx e no algodão Wide Strike (WS).

“Esta é uma tecnologia muito boa, mas estamos perdendo”, lamenta. O fato traz à tona a discussão sobre o comportamento do produtor brasileiro em relação ao cumprimento do manejo adequado para promover a durabilidade das tecnologias.

Para Salles, os produtores precisam ter muito cuidado e seguir todas as orientações sobre manejo e criação de áreas de refúgio, caso contrário, será perdida uma tecnologia atrás da outra.

Ele ressalta que o clima de Mato Grosso é ainda mais propício ao desenvolvimento de pragas, o que deve ser levado em conta como mais um motivo para reforçar os cuidados e se preocupar em adotar o manejo ideal.

O diretor do IMAmt também comenta que na Austrália, grande produtora de algodão, o controle químico de pragas é raramente utilizado e as tecnologias de resistência têm durabilidade, pois os cotonicultores seguem à risca a criação de áreas de refúgio e o manejo adequado para dar longevidade aos eventos.

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

 
Sitevip Internet