Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Sexta-feira 17 de Setembro de 2021

1 6
:
0 4
:
4 2

Últimas Noticias

Enquete

Como você pretende investir o seu dinheiro nos próximos anos?

Notícias / Política

22 Mai 2014 - 08:40

Jayme diz que é "cedo" para avaliar quadro político em MT

Opção para uma "terceira via", senador admite que operação da PF "complica" cenário polític

Mídia News

 Um dos líderes do DEM, candidato à reeleição e apontado como uma opção (a denominada "terceira via") para uma candidatura ao Governo de Mato Grosso, o senador Jayme Campos disse ao Midianews, por telefone, nesta quarta-feira (21), que qualquer avaliação feita nesse momento sobre prováveis mudanças no cenário político do Estado é "precipitada e temerária".

“Não dá para mensurar nada. Temos que aguardar o desenrolar dessa operação (Ararath) que a Polícia Federal desencadeou, para se ter uma ideia de como vai ficar o quadro político. O processo corre em segredo de Justiça, não temos informações, os acusados têm o direito de ampla defesa... Então, a situação que está de um jeito hoje, será de outro jeito amanhã”, afirmou.

O senador democrata disse que só o tempo poderá mostrar quem está certo ou errado nessa situação.

Porém, admitiu que tempo é o que menos têm os partidos para definirem seus quadros com vistas as eleições deste ano.

O período para as convenções começa no mês que vem, e cada partido ou coligação terá 20 dias para definir candidaturas e aliados.

“O quadro não é fácil. Essa exposição pública é ruim para Mato Grosso, já que o Estado fica muito exposto administrativamente. É ruim para o grupo do governador Silval Barbosa (PMDB) e para todos os partidos que fazem parte da base aliada, uma vez que as denúncias e a ação da Polícia Federal desencadeada ontem abrem um leque de nomes que supostamente estariam envolvidos em situações diversas”, explicou o senador.

Mesmo assim, Jayme acredita que, na medida em que as informações oficiais forem dadas e aqueles que não tiverem culpa provadae começarem a ser liberados, que será possível firmar juízo sobre a situação.

“O povo está acompanhando tudo de perto e sabe diferenciar uma coisa da outra. Não existe mais eleitor ignorante e o povo saberá depurar o joio do trigo, para escolher as pessoas nas quais mais confia”, completou.

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

 
Sitevip Internet