Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Sábado 18 de Setembro de 2021

2 3
:
1 0
:
5 7

Últimas Noticias

Enquete

Como você pretende investir o seu dinheiro nos próximos anos?

Notícias / Política

23 Mai 2014 - 16:27 | Atualizado em 26 Mai 2014 - 09:05

Toffoli diz que foi induzido ao erro e solta Riva; Eder ainda preso

Alguns apoiadores do deputado ensaiam uma recepção, mas outra ala defende a descrição na chegada de Riva

O Documento

Reprodução

Dias Toffoli reconheceu o erro mais ponderou ao comentar o caso (Crédito: Reprodução)

Dias Toffoli reconheceu o erro mais ponderou ao comentar o caso

 Advogados, assessores e a família esperam a chegada do deputado estadual José Riva (PSD) ainda hoje (23) em Cuiabá. O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, assinou no final da manhã o pedido de revogação da prisão do parlamentar, que não chegou a ser ouvido pela Polícia Federal (PF) em Brasília.

Alguns apoiadores do deputado ensaiam uma recepção, mas outra ala defende a descrição na chegada de Riva.

No pedido de revogação, a defesa de José Riva alegou que o deputado possui foro privilegiado e só poderia ter sido preso com uma autorização da Assembleia Legislativa, o que não aconteceu.

Segundo a defesa do deputado, o ministro reconheceu que o parlamentar só poderia ter sido preso com a chancela do legislativo ou se pego em flagrante e em crime inafiançável.

Toffoli reconheceu o erro, porém ponderou, em entrevista a Folha de São Paulo, que foi induzido ao erro pela Procuradoria geral da República (PGR), que informou que Riva era deputado afastado e não presidente afastado.

No mandado de prisão de Riva, assinado pelo mesmo ministro, a PRG argumentou que mesmo afastado da presidência da AL, o deputado permanecia usufruindo de toda a estrutura que ela oferece. Para a PGR, Riva pode interferir no andamento das investigações, especialmente pela influência que teria junto aos outros poderes.

Já o ex-secretário Eder Moraes continua preso. A defesa só deve ingressar com um pedido semelhante na semana que vem.

Comentários no Facebook

Comentários no Site

1 comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

  • por KALIXTO GUIMARAES, em 23 Mai 2014 às 21:24

    A DITADURA PETISTA CONTROLA O STF, MPF E TODO SISTEMA JUDICIÁRIO NACIONAL. A PRISÃO ARBITRARIA DE RIVA É SÓ O COMEÇO DA IMPLACÁVEL PERSEGUIÇÃO QUE FARA AOS SEUS OPOSITORES.

 
Sitevip Internet