Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Domingo 25 de Outubro de 2020

1 9
:
1 7
:
5 5

Últimas Noticias

Notícias / Agronegócio

29 Mai 2014 - 13:16

Litro do etanol começa a reduzir nas bombas em Mato Grosso, aponta ANP

Há expectativa de nas próximas semanas as distribuidoras repassarem para os postos as reduções já refletidas nas usinas

Agência da Notícia com Agro Olhar

 O preço do litro do etanol nas bombas começam a reduzir em Mato Grosso, aponta uma pesquisa realizada pela Agência Nacional do Petróleo (ANP). Porém, o consumidor ainda não sentiu os custos reduzirem. Os postos de combustível em Mato Grosso revelam aguardar apenas as distribuidoras reduzirem o preço do litro do etanol para repassar aos consumidores. Nas usinas já houve recuo de R$ 0,12 no litro.

Dados da Agência Nacional do Petróleo (ANP) revelam que o preço médio do combustível em Mato Grosso já está reduzindo. Pesquisa da agência releva que na semana de 27 de abril a 03 de maio o litro do etanol era visto em média a R$ 2,57 nas bombas dos postos no Estado. Já na semana de 18 a 24 de maio já era encontrado a R$ 2,23. Hoje, em Cuiabá, a ANP aponta em média R$ 2,21 o preço do litro do etanol.

De acordo com o Sindicato das Indústrias Sucroalcooleiras de Mato Grosso (Sindalcool-MT), os preços nas usinas estão baixando em decorrência ao avanço da moagem de cana-de-açúcar nesta safra 2014/2015.

Uma pesquisa do CEPEA/ESALQ revela que entre a semana do dia 28 de abril e 02 de maio o litro do etanol hidratado (para abastecer veículos flex) caiu de R$ 1,72 nas usinas para R$ 1,61 entre os dias 19 e 23 de maio.

O Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis de Mato Grosso (Sindipetróleo-MT) confirma o recuo nas usinas.

"Mesmo verificando queda de R$ 0,12 na usina em Mato Grosso, conforme dados do CEPEA/ESALQ, entre 21/04 e 23/05, o levantamento da ANP mostra que esta redução não alcançou as distribuidoras. Os dados da ANP mostram que o preço médio nas distribuidoras (no período de 21/04/ a 21/05) foi de 1,819 para 1,821. Mas nos postos, onde o mercado é livre para definir seus preços, o preço médio, segundo a Agência passou de 2,234 para 2,216 no período citado. Há expectativa de nas próximas semanas as distribuidoras repassarem para os postos as reduções já refletidas nas usinas", diz o Sindipetróleo-MT em nota.

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

 
Sitevip Internet