Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Sexta-feira 24 de Setembro de 2021

1 1
:
5 6
:
1 8

Últimas Noticias

Enquete

Como você pretende investir o seu dinheiro nos próximos anos?

Notícias / Política

30 Mai 2014 - 14:45

PT quer que PF investigue ataques feitos pelo Facebook

Segundo ex-ministro, usuários tentam atacar sua imagem

Agência da Notícia com Terra

 O Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE-MG) encaminhou à Polícia Federal (PF) duas notícias crime pela abertura de inquérito contra o Facebook e contra usuários da rede social que teriam atacado o Partido dos Trabalhadores (PT) e o ex-ministro Fernando Pimentel – da mesma sigla e pré-candidato ao governo do Estado.

Pimentel alega que quatro usuários da rede social - Cristiano Guimarães, Tomas Soares, Lucas Gontijo Guimarães e Carlucio Santos Carvalho – usam o Facebook para promover "um verdadeiro achaque à sua figura” em duas páginas e pede que estes sejam investigados pela PF. O ex-ministro diz ainda que a empresa Facebook, apesar de receber denúncias contra o conteúdo, manteve os “ataques” no ar.

As páginas dos usuários são cheias de mensagens contra o PT e favoráveis a partidos de oposição. Cristiano Guimarães, por exemplo, divulga uma imagem do perfil oficial da presidente Dilma Rousseff, ao mesmo tempo em que incita a violência contra a petista. “Alguém da um soco na cara dessa ordinária! INOCENTE, sabe de nada! Dilma Rousseff, você é a maior piada que o Brasil já inventou! (sic)”

Lucas Gontijo Guimarães é pai de Cristiano e ex-prefeito do município mineiro de Luz (ele perdeu as eleições de 2012, quando concorreu pelo PTB). Além das críticas aos petistas, ele tece elogios ao Aécio Neves (PSDB-MG) e aparece em uma foto ao lado do pré-candidato do PSB à presidência Eduardo Campos.

O PT pede ainda que seja investigada uma página – a qual não teve o nome divulgado pelo TRE – que seria usada por usuários anônimos para atacar a sigla.

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

 
Sitevip Internet