Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Quinta-feira 22 de Outubro de 2020

1 1
:
1 4
:
3 5

Últimas Noticias

Notícias / Agronegócio

2 Jun 2014 - 13:21

Queda nas vendas para o mercado externo fazem preço da carne bovina cair ao consumidor

Já o lagarto, apesar de leve, caiu de R$ 15,93 em média para R$ 15,70. A capa de filé de R$ 12,43 em abril para R$ 12,08.

Agência da Notícia com Agro Olhar

 As vendas enfraquecidas em para o mercado internacional estão levando alguns cortes de carne bovina chegar mais barato à mesa do consumidor mato-grossense. Com a maior oferta de carne bovina nos supermercados e açougues cortes, como a fraldinha, chegaram a recuar 2,84% no comparativo com abril.

De acordo com o Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea), na semana do dia 18 a 24 de maio a arroba do boi gordo caiu 2,07%, levando-a a ficar abaixo de R$ 109. A queda no preço da arroba, segundo verificação do Instituto, está relacionada à demanda do mercado internacional por carne bovina no Estado. No início de maio o Peru, Egito, Irã e Argélia restringiram por 180 dias as compras de carne bovina de Mato Grosso e do Brasil, após a confirmação de um caso atípico do "Mal da Vaca Louca" no Estado, registrado no mês de abril.

“Sabe-se que se essa carne bovina não é ofertada no mercado internacional ela passa a abastecer o mercado interno, passando o mercado de uma situação de oferta ajustada para oferta abundante, pressionando ainda mais os preços ao longo da cadeia do boi gordo. Pode-se citar, ainda, que o efeito safra, caracterizado por ajustes negativos do valor da arroba, está motivando os bovinocultores de corte a ofertar mais boiadas no mercado, sendo mais uma força baixista do preço do boi gordo em Mato Grosso”, esclarece o Imea, através de seu boletim semanal da bovinocultura, divulgado no dia 26 de maio.

Na terceira semana de maio o preço médio do quilo da carne bovina em Cuiabá ao consumidor era encontrado a R$ 16,97, 1,17% a mais que os R$ 16,77 verificados em abril. Contudo, a pesquisa de preço feita pelo Imea revela que cortes como o filé mignon caíram 0,60%, de R$ 26,91 para R$ 26,74. O coxão mole de R$ 17,92 em média no mês de abril para R$ 17,67. Já o coxão duro de R$ 16,27 para R$ 16,04.

O patinho foi outro que apresentou queda de preço de R$ 16,79 em média o quilo em abril para R$ 16,40. A costela caiu de R$ 8,48 o quilo para R$ 8,39 em média. A fraldinha que custava em torno de R$ 15,63 o quilo em abril no mês de maio era vista a cerca de R$ 15,18.

Já o lagarto, apesar de leve, caiu de R$ 15,93 em média para R$ 15,70. A capa de filé de R$ 12,43 em abril para R$ 12,08.

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

 
Sitevip Internet