Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Terça-feira 28 de Setembro de 2021

1 0
:
2 7
:
5 2

Últimas Noticias

Enquete

Como você pretende investir o seu dinheiro nos próximos anos?

Notícias / Política

18 Jun 2014 - 14:35 | Atualizado em 18 Jun 2014 - 15:06

Por unidade da base, PSD admite ficar fora de majoritária

Para Riva, candidato que agregar mais é que tem que entrar na disputa para governador

Agência da Notícia com Mídia News

 O deputado estadual José Riva (PSD) voltou a pregar a unidade entre os partidos da base governista e afirmou que o PSD não teria dificuldades em ficar fora da chapa majoritária, se for necessário para manter a aliança.

Compõem o grupo o PSD, PT, PMDB, PR, PROS e PC do B.

“Eu defendo a unidade do grupo. Acho que unidos temos plenas condições de vencer essas eleições. E o candidato que estiver melhor e agregar mais é que tem que entrar na disputa para governador”, disse Riva ao MidiaNews.

“O PSD pode estar na chapa majoritária ou não. Isso não é problema para nós. Mas acredito que, pelo nosso tamanho, estaremos, sim, compondo a majoritária”, completou.

O partido possui o maior número de prefeitos e vereadores em Mato Grosso, e a segunda bancada da Assembleia Legislativa.

Apesar de a sigla vir trabalhando a pré-candidatura do vice-governador Chico Daltro (PSD) ao Governo, as informações de bastidores são que essa possibilidade estaria prestes a ser descartada.

Nesse caso, o PSD passaria a trabalhar com o nome do produtor rural e ex-presidente da Famato, Rui Prado (PSD), como opção para participar da majoritária, na condição de vice, senador ou suplente.

Em reunião programada para esta quarta-feira (18), a cúpula do partido deve definir a formação da sua chapa de candidatos a deputado estadual e federal.

No encontro, também será definido o posicionamento do partido com relação à formação da chapa majoritária e a escolha do candidato a governador do grupo.

Atualmente, disputam a vaga Chico Daltro, o ex-vereador Lúdio Cabral (PT) e o ex-juiz federal Julier Sebastião (PMDB).

Vaga ao Senado

Na última segunda-feira (16), a aliança governista decidiu, por consenso, garantir a vaga de candidato a senador para o deputado federal Wellington Fagundes (PR) e, dessa forma, "segurar" o PR no grupo.

"Wellington é uma liderança muito expressiva e um bom candidato a senador", disse Riva.

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

 
Sitevip Internet