Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Sexta-feira 24 de Setembro de 2021

1 1
:
4 6
:
2 7

Últimas Noticias

Enquete

Como você pretende investir o seu dinheiro nos próximos anos?

Notícias / Agronegócio

19 Jun 2014 - 08:06

Soja e algodão seguram renda no campo em Mato Grosso, aponta Mapa

Já a pecuária apresenta recuo de 5,91%, de R$ 12,101 bilhões para uma projeção de R$ 11,385 bilhões em 2014.

Agência da Notícia com Agro Olhar

 Se o ano de 2014 tivesse encerrado em maio a agropecuária teria tido uma renda de R$ 57,101 bilhões da porteira para dentro. Volume este 5,33% superior ao verificado em 2013 de R$ 54,211 bilhões. Somente a soja e o algodão apresentaram alta de 9,9% e 33,3%, respectivamente devido o aumento da área principalmente.

O levantamento do Valor Bruto da Produção (VBP), divulgado nesta quarta-feira (18) pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), com base nas estimativas da Assessoria de Gestão Estratégica (AGE), revela que em maio os ganhos da porteira para dentro na agricultura estavam estimados em R$ 45,716 bilhões para 2014, montante 8,56% maior que os R$ 42,109 bilhões verificados em 2013.

Já a pecuária apresenta recuo de 5,91%, de R$ 12,101 bilhões para uma projeção de R$ 11,385 bilhões em 2014.

Conforme o Agro Olhar já explicou, o VBP corresponde ao faturamento da porteira para dentro. Seu cálculo é realizado com base na produção e nos preços de mercado.

Em decorrência ao aumento de 40,4% da área destinada ao algodão, o VBP estimado para a cotonicultura mato-grossense é de R$ 10,480 bilhões para 2014, 33,3% a mais que os R$ 7,857 bilhões do ano passado.

A soja também em decorrência a ampliação de 7,9 milhões de hectares para 8,3 milhões de hectares na safra 2013/2014, que possibilitou uma produção de 26 milhões de toneladas, deve registrar um VBP de R$ 24,414 bilhões, receita 9,9% maior que os R$ 22,213 bilhões de 2013.

Quedas

Com uma queda de aproximadamente 30% na produção de milho 2ª safra, o VBP do cereal estimado pela AGE para 2014 é de R$ 8,501 bilhões. A receita é 8,98% inferior aos R$ 9,340 bilhões do ano passado.

A renda na bovinocultura deverá encolher 3,7% apontam as projeções, de R$ 8,839 bilhões para R$ 8,510 bilhões. Já para a suinocultura, que ainda vive momentos de crise desde 2011, o recuo estimado é de 16,1%, de R$ 568,8 milhões para R$ R$ 476,7 milhões. Na avicultura decréscimo de 15,4%, R$ 2,090 bilhões para R$ 1,767 bilhões.

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

 
Sitevip Internet