Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Segunda-feira 30 de Março de 2020

0 3
:
0 8
:
0 5

Últimas Noticias

Notícias / Geral

23 Jun 2014 - 16:20

Aos 9 anos, garoto de Cuiabá lança 2º livro infantil: 'Gosto de contar história'

André Coelho também faz as ilustrações dos livros de sua autoria. Livros 'Marquinhos Sonhador' fala sobre deficiência e preconceito.

Agência da Notícia com G1 MT

 André Coelho Andrade tem 9 anos e já escreveu dois livros de histórias infantis. No último sábado (21), o cuiabano lançou o seu segundo livro, intitulado 'Marquinhos Sonhador'. A história fala sobre um menino que usa cadeira de rodas e tenta ensinar as crianças que, por dentro, todos são iguais, independente de serem deficientes ou não. Além de escrever, André fez as ilustrações desse, e também do primeiro livro que escreveu, 'Dem e a Lagarta'.
"Gosto de contar histórias e vou continuar até não ter mais sobre o que escrever", disse o garoto. Ele contou que sempre gostou de desenhar e escrever. “Quando estou entediado, pego folhas de papel e lápis e começo a desenhar e a escrever. Também gosto muito de jogos de computador", relatou André. Ele conta que os seus livros preferidos são das séries: 'Diário de um Banana' e 'Menino Maluquinho'.
Um dos passeios preferidos dele é ir a livraria. “Quando a gente vai ao shopping e a minha mãe não me leva para ver livros, fico emburrado o resto do dia”, confessa. Ele completa 10 anos nesta terça-feira (24).
Além de ler e escrever, André gosta de esportes e diz que quer ser escoteiro. "A aula que mais gosto na escola é de educação física. Quero ser escoteiro para aprender a fazer escalada, dar nós em cordas, fazer fogueiras e montar barracas”, explicou o garoto.
Renata Coelho, mãe do pequeno escritor, disse que ele aprendeu a ler e escrever aos 5 anos. “Desde pequeno, na hora de dormir, ele gostava de contar histórias. A gente brincava, um começava, e o outro terminava a história. Meus pais e eu somos professores, então o André sempre nos viu com livros. Acredito que ele foi se interessando naturalmente pela leitura”, disse.
A professora conta que o passatempo do filho sempre foi desenhar e escrever. “Um dia estava limpando a casa e ele veio me contar uma história que tinha inventado. Acabamos resolvendo fazer disso um livro, justamente para motivá-lo, mas não esperávamos que ele fosse adiante”, relatou a mãe de André.

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

 
Sitevip Internet