Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Terça-feira 25 de Janeiro de 2022

0 4
:
5 9
:
4 8

Últimas Noticias

Notícias / Agronegócio

26 Jun 2014 - 14:00

Apesar de queda Mato Grosso segue na liderança de abate de bovinos

Já os abate de frangos tiveram redução de 11,6%, de 62,2 milhões de cabeças para 55,06 milhões de cabeças.

Agência da Notícia com Agro Olhar

 Mesmo com um recuo de 3,4% no volume de cabeças de gado abatidas no primeiro trimestre de 2014, em relação ao ano passado, Mato Grosso segue na liderança nacional de abates de bovinos, posto este conquistado há mais de quatro anos. Entre janeiro e março os abates bovinos da região Centro-Oeste corresponderam a 38,9% do abate nacional.

Os números são da Pesquisa Trimestral do Abate de Animais, Aquisição de Leite, Couro e Produção de Ovos, divulgados nesta quinta-feira (26) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

De acordo com a pesquisa, Mato Grosso do Sul é o vice-líder em abates de bovinos, seguidos de Goiás.

Entre janeiro e março de 2014 Mato Grosso abateu pouco mais de 1,339 milhão de cabeças de bovinos, volume 3,4% menor que as 1,386 milhão do período em 2013.

Já o Mato Grosso do Sul reduziu em 4,7% o volume, decaindo de 1,092 milhão para 1,041 milhão de cabeças. Enquanto isso, Goiás elevou 13,4% de 767,4 mil para 870 mil cabeças de bovinos abatidas no primeiro trimestre.

No Brasil foram abatidas no primeiro trimestre de 2014 8,366 milhões de cabeças de gado, alta de 2,9% a mais que as 8,127 milhões do ano passado.

Frangos e suínos

O volume de suínos abatidos em Mato Grosso caiu 4,9% no primeiro trimestre de 2014 em relação ao ano passado, de 531,6 mil cabeças para 505,8 mil, de acordo com dados IBGE.

Já os abate de frangos tiveram redução de 11,6%, de 62,2 milhões de cabeças para 55,06 milhões de cabeças.

As reduções das exportações são alguns dos motivos apontados pelo IBGE como provocadores do recuo de abates de suínos e frangos.

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

 
Sitevip Internet